Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Malditos Navegantes - Praia/ErdoBastos

Malditos Navegantes
=============Dueto: Praia/ErdoBastos

Navegando por outros mares
Malditos navegantes
Deixando-me, feita ilha,em poéticos divagares
De destinos, errantes...

Será a conspiração do universo
Sinônimo de amor,imerso?!
Infinita maldição
Que tormentos me faz sofrer

Por louco amor, e paixão
Por que não te posso eu assim ter?...»
=====
Malditos navegantes!
Que mares interpuseram
Entre anseios de amantes
Pois não são, o que antes eram

Patrícios, em priscas eras
Separados, hoje distantes
Por ambiciosas quimeras
De malditos navegantes

Que aos mares do mundo lançaram
Seus barcos e suas coragens
Mares que hoje separam
Meus olhos da tua imagem

ErdoBastos
Enviado por ErdoBastos em 08/08/2006
Reeditado em 08/08/2006
Código do texto: T212047

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ErdoBastos
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
789 textos (36903 leituras)
2 áudios (124 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:01)
ErdoBastos