Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
GRITOS CALADOS by Lúcio Reis e Sueli


A criança já não vai mais à escola
A cada esquina grita com os olhos tristes
A dizer que seu estomago chora
E que não quer mais, pedir esmola
A insensibilidade governamental à promover a miséria
Em arroubos politicos temperamental e de demagogia
Cinicamente dá-lhe o peixe, sem sequer do rio
O caminho mostrar e assim, a fome pará
Sem saber como espernear ou gritar
Fica calado e só sabe mendigar
E a armadilha do crime cedo vai lhe conquistar.

GRITOS CALADOS


Pelo bem que já não se conhece
pela democracia que não se reconhece
espera a humanidade tão decadente
mal se aflora no coração de sua gente
que dorme o sono dos apavorados
apenas com os olhos semicerrados
em silêncio, seus gritos desesperados

**********************
Sueli do Espirito Santo
Enviado por Sueli do Espirito Santo em 18/08/2006
Código do texto: T219147

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sueli do Espirito Santo
Santo André - São Paulo - Brasil, 65 anos
1456 textos (234527 leituras)
1 e-livros (109 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:54)
Sueli do Espirito Santo