Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Proseia mais eu? Camilo Andrade Neto - Claro meu novo amigo - Má Oliveira

Essa é uma brincadeira feita no Grupo Expressão.
Neto, esse meu amigo mineiro, me cobrou que continuo não "proseando" mais ele, kkkk
Então fui buscar no baú esta brincadeira, que hoje divido com vocês.
Neto, "doro o cê", mesmo não proseando!!!!


Neto: Proseia mais eu?
      Má Oliveira: Claro, meu novo amigo

Neto: Eita mulher faceira
que pra estas banda encontrei
a pele é bem branquinha
logo me enamorei.
 
      M: Agradeço suas palavras
         mas ao grupo vou estender
         pois mesmo tendo umas bravas
         vai ama-las também conhecer

Neto:Os olhos é só ternura
mais tem malícia também
e uma luz tão intensa
eu logo me alumiei.
 

      M: O brilho que neles encontrou
         ao grupo devemos agradecer
         pois quando ele se formou
         fez minha alegria renascer

Neto: A boca é formosura
o sorriso arrebatador
imagino a gostosura
que deve ser o sabor
 

      M: O riso dos meus lábios
         é da alegria por neste grupo estar
         recebendo textos sábios
         e muita coisa pra brincar

Neto: O conjunto harmonioso
me levou a especular
pois sou muito curioso
se alguém me faz interessar
 

      M: Nem precisa especular
         todos aqui são irmãos
         pode logo perguntar
         não temos segredos não

Neto: Fui logo descobrindo
as qualidades que ela tem
além de toda belezura
ela é viúva também!!!
 
      M: Belezura é a felicidade
         que este grupo ajuda a manter
         aprocheguesse de verdade
         vem particpar pra valer

 
Neto: Desfrutei dos versos dela
deu vontade de conhecer
fui dizer isso pra ela
fiz ela  desaparecer
 
      M: Você está enganado
         não foi nada disso não
         é que fiquei encabuda
         pensei que fosse gozação

Neto: Por isso fiz esta trova
que não é só brincadeira
pra pedir pra minha formosa
proseia mais eu, Má Oliveira.
 

      M: Se antes por mim falaram
         foi por que você me encabulou...
         Depois que tudo te explicou
         o mal entendi acabou...
Má Oliveira
Enviado por Má Oliveira em 30/08/2006
Reeditado em 11/10/2006
Código do texto: T228866
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Má Oliveira
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 53 anos
279 textos (14601 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 10:03)
Má Oliveira