Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um pouco mais...§ Que é sempre o que está por vir...

Calaf & ÐäMå Ðë ÑëG®ö

Um pouco mais de terra - eu era onda,// me faço vida
Um pouco mais de lua - eu era vento, // livre, sem destino
Para brincar em meio aos cinamômos// rir, cantar, versejar
Que como asas colorem o azul do céu// solta no espaço me deixo levar
São verdes, mares de azuis e fúcsias// nas cores que são meus tons
Regressos, apoteoses de carmim// que enfeitam meu viver
Desfolhando lírios// a cada alvorecer
Em tulipas coloridas// espalho minha alegria de viver
No porvir do fogo// aqueço os meus dias
Que elfos de arlequim// encantados em lindos versos de amor
Fazem morada// onde tudo é pleno
No chão do adeus// recrio um novo amanhecer
Onde o nunca é nada// que é sempre o que está por vir...

Autor >>> Calaf
Dueto >>> ÐäMå Ðë ÑëG®ö

ÐäMå Ðë ÑëG®ö

Apenas uma mulher que já riu, amou, se entregou e chorou.
Escrevo o que sinto como sinto quando sinto.
Longe de ser uma poetisa, sou apenas alguém que sente!

Dama De Negro e Calaf
Enviado por Dama De Negro em 11/10/2006
Reeditado em 27/05/2012
Código do texto: T261695

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146135 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:01)
Dama De Negro