Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lenita e Edegar Soares


Vontade ardente de escrever.
Olhos parados no horizonte
Pensamento rápido
Lábios calados, emudecidos...
Falam pelas letras
Traçadas no branco espaço.
São sentimentos...
Felicidade ou tormento
Jogo de palavras “mudas”
Viagem no tempo...
Que não se conta no relógio
Mas no coração
É tudo tão ligeiro
É tudo tão mágico.
É brilho é lágrima
É rima e ritmo
É fantasia e estrela
É inspiração.
                  ((Lenita))
.............................
A inspiração é assim mesmo...
Não tem hora e nem tempo...
Chega a qualquer momento...
Como que um passatempo
de escrever o que sentimos...
Formando verdadeiros hinos...
Aliviando nosso tormento...
Isto tudo é inspiração...
Pois, aplaudo teu sentimento...
Por desenvolver com atento...
Esta sagrada oração...
Ela é a poesia...
Que dentro de ti irradia...
Te sangrando de emoção
             ((Edegar Soares))

Lenita
Enviado por Lenita em 23/10/2006
Reeditado em 14/11/2006
Código do texto: T271875
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lenita
São Paulo - São Paulo - Brasil, 57 anos
152 textos (12876 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:23)
Lenita