Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PERDERAM UM SAPATINHO...


Sapatinho azul de lã.
Adotei-te ao te encontrar...
Pertinho da estação...
Ali estava tão sozinho...
Tão perdido sem destino.
Imaginei os pés de quem o calçara.
Naquele instante tomei-te em minhas mãos.
Herdei-te. Que bela sensação!
Onde guardar-te pensei firmemente.

De repente “Sapatinho Azul”
Eu e você viemos de carona

Bem pertinho do meu amor.
Então, tornastes meu cúmplice
Bem naquele momento....
Em que ele meu beijo roubou.

Agora tornaste ti mais importante ainda
Zelosa fui contigo, fiz te de chaveiro.
Urge caminhar eu contigo
Levo-te para aonde vou.

Claro, afinal de conta
Lá selaste o meu sentimento impar
Amor não correspondido, bem sei.
Reserva-me, hoje, olhar-te a cada instante
Objetivando sentir o beijo de despedida.
                                             (Lenita)



Perderam um sapatinho,
Sapatinho de bebê,
Que caído ali sozinho
Esperava alguém lhe achar!
Mas quem será?

Simples e pequenino
De linha de lã, feito a mão,
Leva um laço de enfeite,
De uma forma diferente
Conquistará um coração!
Mas quem será?

E não demora acontecer
Alguém a lhe notar,
E o sapatinho de bebê
Agora possui um lar!
Mas quem será?

E o sapatinho de bebê
Que alguém o encontrou
E por ele se apaixonou,
Tem cuidado, tem carinho,

Perfumado e bem limpinho
Hoje vive com uma flor!
Mas quem será?

Igual ao sapatinho,
Há um brilho nessa flor,
Que cativa o forasteiro
Viajando sem paradeiro
Desse conto se lembrou!
Mas quem será?

Essa flor tem uma história
De um sapatinho que encontrou;
É uma Helena, que não é de Tróia,
Que hoje levo na memória
Tudo que ela me contou;
E o sapatinho me inspirou,
Da flor veio a poesia
E do rascunho do forasteiro
O poema se formou!
                               (Cristiano)

Lenita
Enviado por Lenita em 14/11/2006
Reeditado em 14/11/2006
Código do texto: T291487
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lenita
São Paulo - São Paulo - Brasil, 57 anos
152 textos (12876 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 21:54)
Lenita