Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meus Lábios. = Sávio Assad) = (Tânia Ailene)

Meus Lábios.
(Sávio Assad)
(Tânia Ailene)

Na sofreguidão de sua
pele, percorro meus lábios sedentos.

Corpo estremece, pele arrepia
boca entreaberta de desejos.

Sentindo o seu perfume de rosas a
desabrochar, devagar.

Aos poucos na entrega
dos sentidos a ofertar.

Meu corpo estremece, num pulsar
constante, delicioso e malicioso.

Sinto a flor da pele
todo carinho e tesão, seus.

Somos possuídos pelos corpos em delírios,
num frenesi de febre.

É fogo que arde, desejo em fúria
possuindo todos os sonhos de entrega.

E arrancando desejos guardados
em segredos ritmados em canções.

Aqui não temos segredos amor
é paixão brotando com ritmo acelerado.

Somos a lira do amor,
alcançando ritmos ao entardecer.

Sou tua o tempo que quiser
nesta dança cadência por querer-te
até ao anoitecer.

Niterói - RJ - 19-11-06
Rio de Janeiro - 20-11-2006
Tânia Ailene Nua Poesia
Enviado por Tânia Ailene Nua Poesia em 21/11/2006
Código do texto: T296941
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Ailene Nua Poesia
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
886 textos (30279 leituras)
28 áudios (1362 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:49)
Tânia Ailene Nua Poesia