Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mistério/Perfume

MISTÉRIO
 
 
No perfume da dama da noite,
o mistério da lua cheia.
Louca em noites de açoite,
nua no céu passeia.

Em busca do lírio branco,
que em seu sonhar desperte,
a volúpia dos amantes,
trazida pelos ventos de outras eras.
 
E no sussurrar das estrelas,
queda a estranha dama,
pela paz pretendida.

Contudo, a saudade dos encantos
silenciados em seus porões,
grita por se libertar,
até consumar-se
no fogo da paixão.
 
Guida Linhares

Santos, SP
30/11/06

Dueto em resposta ao poema

PERFUME

Que estranho perfume vem de ti,
ó noite misteriosa!
Que estranha luz vem do teu céu,
ó noite amorosa!
Parece que a paz pressentida
e que as saudades do encanto
choram por ti neste canto
do silencio que tu trazes.
Parece que as horas vividas
noutros tempos, noutras eras,
fossem como o vento, apenas,
que desfolha um lírio branco.

Juan Martín

Madrid/Espanha

Respeite os direitos autorais.
 

 
Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 02/12/2006
Reeditado em 03/12/2006
Código do texto: T307260
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Guida Linhares
Santos - São Paulo - Brasil, 70 anos
1957 textos (162494 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 20:58)
Guida Linhares

Site do Escritor