Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mais Uma Vez







 
 







Mais uma vez

Sim só mais uma vez, o que hoje

você pede a meus pés.

Mas esqueceu do que me fez passar.

As torturas da paixão desenfreada, que alimentei por ti.

Das loucuras que cometi, na ância da

conquista insensata.

Fui boneco de fetiche em tuas mãos.

Rolei, tal qual carretel sem linha.

Fui...

Fui a procura e a insistência,

do ser que ama, nas tentativas

infrutíferas do nada.

Fui, só sofrimento atormentado

pelo fantasma, você.

Agora você vem e me pede para voltar.

Depois que zombou brincou com meus

sentimento, você me quer.

Para que ?

Para brincar novamente ?

Zombar ?

Se teu desejo é verdadeiro,

então mude "teu jeito".

Mude o tratar o sentimento,

Me conquiste novamente.

Você sabe de meus sentimento.

Tente !

Paulo Mello

02.07.07




Mais uma vez...

Agora, revendo tudo
o que passou,
não peça,
mais uma vez...

Atravessei solidão,
silêncio,
lágrimas
Não posso voltar
a sentir novamente

Quero sim, ter a
liberdade de
poder voar,sorrir...
E não ficar ao dispor
de algo que machuca
Que simplesmente
é usado e depois
descartado

Quero a liberdade
de escolha
e viver
novos momentos
novas sensações
nova vida
Que possa transformar
seus sentimentos
Conquistar
e voltar....


Juracy Oliveira
05/08/07






















 


M@LU
belafaceira@uol.com.br








































































 




















 
   
 
 
Fuente: Lilly
 
 
 
Paulo Mello
Enviado por Paulo Mello em 28/08/2007
Código do texto: T627097
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Mello
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 63 anos
446 textos (11378 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 00:21)
Paulo Mello