Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUEM SABE?

Então continuando  a observar
A vida assim passando por meus olhos
Se um dia tudo vai fezes virar
Pra quê há tanto orgulho e imbróglios?

E mesmo assim, um povo tão vazio
Que finge uma bondade camuflada
E a alma glacial  naquele frio
Intenso só me diz - Não somos nada!!!

E neste quase nada que nós somos
Encontro da esperança algum resquício
A vida se promete em novos gomos,
Deixando bem distante o precipício.

Quem sabe num verão que inda virá
O sol de novo forte, brilhará...

GONÇALVES REIS
MVML

 19/09/07

Gonçalves Reis
Enviado por Gonçalves Reis em 20/09/2007
Reeditado em 27/09/2007
Código do texto: T660572

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gonçalves Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil
1155 textos (75392 leituras)
1 áudios (107 audições)
1 e-livros (51 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 22:57)
Gonçalves Reis