Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PUNHAL CRAVADO!

Caminhando nessa estrada
Encontrava-me abatido
Pela alta madrugada
Então ele se chegou
Mas tão triste eu estava
O silêncio respeitou

 Respeitei sim , lendo sua mente
Punhal cravado no sentimento
Amou muito , foi amado pouco
Coração sangrando , desilusão
A vida é bela , cicatrize as feridas
Navegue no mar de teus sonhos .

Vomite o veneno das entranhas
Abrindo portas para caminhadas ,
Saia do escuro , do penoso túnel
Ilumine planícies bem-aventuradas
Busque no porto jangadas felizes
Novos tempos , dias arrebatados .

Então o punhal cravado
Aqui dentro dolorido
Foi tirado e a ferida
Vai sarar, eu sei, e logo
Pois a vida nos ensina
Transformar o sangue em vinho!


GONÇALVES REIS
SAM MORENO
Gonçalves Reis
Enviado por Gonçalves Reis em 10/10/2007
Reeditado em 10/10/2007
Código do texto: T688969

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gonçalves Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil
1155 textos (73748 leituras)
1 áudios (107 audições)
1 e-livros (51 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 19:14)
Gonçalves Reis