Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sexto sentido de mulher & Concordância de homem >AnjonegroPoetiza&AnjoPoeta

*Naquela tarde sombria
 Achava-me sem alegria
 Meu sexto sentido de mulher
 Fazia-se minha estrela guia.

Certeza que a sombra se ia
Foi em busca da alegria
Sentido de mulher não falharia
Foi em direção do que não sabia

*Levou-me a página de amiga
 Quis voltar, disse-me prossiga
 Meu sexto sentido de mulher
 A ir em frente me conduzia.

Ir a onde? Mas e se for fria?
Não custa nada? Quero alegria.
Buscarei algo para força ter
Que preencha todo meu ser

*Vi rostos empalidecidos
 Brancos pretos e entorpecidos
 Meu sexto sentido de mulher
 Viu no teu um destemido.

Vi-te chegando devagarzinho
Se instalando e fazendo o ninho
No meu coração morena jambo
E logo fui te conhecer com prazer.

*Tive certeza naquele instante
 Que a amizade seria constante
 Alegre fui em adicionar
 Para nunca mais te deixar.

Fez bem sim muito bem aceitei
Sua voz suave nas letras eu senti
Meiga, humilde, sincera pensei
Mulher de qualidade eu imaginei

*Houve então transformação
 Na tarde e em meu coração
 Atingida pela alegria
 Que teu rosto lindo irradia.

Que felicidade saber então
Poder transformar um coração
Sei que é um dom dado por Deus
Traz no meu ser grande alegria.

*E fez-me ver no horizonte
 Em vales transformar meus montes
 Pois contigo anjo amigo
 Vivo longe do perigo.

Fez-me sentir prazer morena
Saber que tu sentes protegida
Farei o possível nesta vida
Não te decepcionar querida

*Deixar pra trás a tristeza
 De um corpo que sem destreza
 Pensando em teu corpo pulsava
 E em sonho o real transformava.

Poderia fazer-te muitos sonhos sonhar
De alegria gritar e nem sequer imaginar
Que busca constante da felicidade
Chegou perto de ti e te iluminar

*Querendo tanto e sonhar
 De ao teu corpo abraçar
 Feliz por saber o que quer
 Num sexto sentido de mulher.

Eis-me aqui inteirinho não virtual
Que baiana!  Quero abraçar
Te encher de beijos e acariciar
Ardente nós viveremos e isto é real

*Ter em meus braços esse corpo
 Tocando dos pés à cabeça
 Rindo, sem iras nem queixa
 Ver o rei em seu trono posto.

Vem minha menina dengosa
Cheia de prosa, vem ver
Fazendo-me todo arrepiar
Gemer de alegria e prazer

*Guiados pela direção Trina
 Em magia de corpos que se quer
 Envolvidos numa entrega divina
 Dum sexto sentido de mulher

Duas felicidades construídas
Debaixo de uma ordem Divina
Eu muito acredito será lindo
Viver como homem e mulher.

  *AnjonegroPoetiza&AnjoPoeta

AnjoLuzPoetiza
Enviado por AnjoLuzPoetiza em 29/10/2007
Reeditado em 27/08/2008
Código do texto: T714743
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
AnjoLuzPoetiza
Alagoinhas - Bahia - Brasil
372 textos (16198 leituras)
2 e-livros (49 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 08:36)
AnjoLuzPoetiza