Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DUETO DE POETAS

Ser poeta,
É sonhar, imaginar.
Rabiscar versos apaixonados
Por alguém imaginário.
É viver num mundo encantado,
Muitas vezes está perdido,
Escreve versos pro acaso,
E talvez nem seja lido.

Ser poeta,
É poder beijar a  boca da pessoa amada,
Em pensamentos.
É ter desejo, é ter carência de palavras,
De encantamentos.
É poder  amar intensamente.

Ser poeta
É chorar sem motivos
É poder com seus versos
Dar alegrias aos amigos
É  poder transformar a tristeza em alegria
Tirar da dor uma lição de vida.

Ser poeta,
É poder ter você aqui comigo
Mesmo se for  só em pensamento
É poder escrever-te as palavras de acalento.
É estar mais perto de Deus
Pois o amor é o maior dos sentimentos
É tocar o céu  com os  pensamentos
É fazer, a cada despedida, uma saudade.

Ser poeta,
É dizer muitas coisas sem sentido
Muitas vezes incompreendido
Transforma uma guerra
Num jardim florido.

Ser poeta,
É viver um sonho
Como se fosse a  realidade,
É poder chorar a cada despedida,
É sorrir a cada volta de seus desejos reprimidos
É acordar e ver que tudo não passou
De  sonhos adormecidos.

Ser poeta,
É ser abençoado
Pois recebeu de Deus
O dom do imaginário...

                              Luiz Carlos Rodrigues dos Santos
                              Sol Pereira
Luiz Carlos Rodrigues dos Santos
Enviado por Luiz Carlos Rodrigues dos Santos em 16/11/2007
Reeditado em 20/10/2011
Código do texto: T739792
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luiz Carlos Rodrigues dos Santos
São Paulo - São Paulo - Brasil
1101 textos (222965 leituras)
40 áudios (76878 audições)
39 e-livros (4236 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 00:17)
Luiz Carlos Rodrigues dos Santos