Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                  MAYSA & ZECA REPENTISTA

                     
VENCIDO PELO TEMPO

A solidão se intercala com a companhia...
Pois nem sempre ela adivinha!
Do que realmente é necessidade...
Ou aquilo que pode ser bobagem!

               E assim, vamos deixando...
               Ou somos deixados!
               Pela monotonia...
               Do dia a dia...

                          Onde ficou o olhar atento?
                          Que parecia tão sedento...
                          Saiu porta à fora?
                          Como uma desforra!

                                           Do que não fez valer?
                                          E veio a se arrepender?
                                         Ou foi levado pelo vento?
                                         Vencido pelo tempo!...
                                                   (Maysa)

                       Cadê seu olhar faminto?
                       Na minha voluptuosa anca ?
                       Seus beijos me ferindo!
                       Sua barba me arranhando...

          Cadê sua fome de mim?
          Suas mãos me retalhando!
          Sofridos ais  me matando...
         O tempo foi cruel assim?
               (zeca repentista)
Maysa Barbedo
Enviado por Maysa Barbedo em 30/11/2007
Reeditado em 30/11/2007
Código do texto: T758803

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maysa Barbedo
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
2967 textos (327358 leituras)
7 áudios (1543 audições)
104 e-livros (20172 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 02:05)
Maysa Barbedo