Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Apenas uma mulher que já riu, amou, 
se entregou e chorou.
Escrevo o que sinto, como sinto, quando sinto.
Longe muito longe de ser uma poetisa
sou apenas alguém que sente!
Sou um par de olhos que vê a vida,
e se alegra!
Um par de ouvidos que ouve a vida
e se recente!
Um par de braços que não abraçam,
aqueles que procuram abraços...
Um par de pernas,
que não alcançam quem esta a frente...
Apenas um homem,
com um coração que ama e sonha e percevera,
um homem que povoa de outras mentes a própria mente!
Uma alma que pulsa e reverbera,
sob o toque d'outras almas ardente_mente!

29/11/2005

Dama de Negro/Perfil
Edvaldo Rosa/SER



Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 29/11/2005
Reeditado em 29/11/2005
Código do texto: T78664
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
1727 textos (173683 leituras)
23 áudios (10645 audições)
35 e-livros (8977 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:32)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor