Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NINGUÉM

De onde venho,
Não existem lembranças,
Recordações? Também não tenho.
Nunca experimentei esta tal esperança.

De onde venho.
Não existe amor,
Nem carinho, nem afeto,
Sozinho  nasci, sozinho estou.

De onde venho
Ninguém se apaixona
O que é o amor,
Somente algo que lhe expõe
Por isso me contenho.

De onde venho
Não tenho referências
Sou cidadão de lugar nenhum
Quer saber meu nome?
Me  desculpe,
Pois nem mesmo eu sei.
Luciano Teixeira
Enviado por Luciano Teixeira em 28/06/2006
Código do texto: T183579
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luciano Teixeira
Fortaleza - Ceará - Brasil, 47 anos
106 textos (7208 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 07:07)
Luciano Teixeira