CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

CONCEITO DE CULTURA...

A palavra cultura refere-se a vários sentidos, aqui vai ser referida como comportamento social do grupo, uma vez que traduz desenvolvimento e sentidos.
Cultura congrega conhecimentos, artes, moral, leis, costumes, aptidões, hábitos adquiridos, herança cultural, tradição social, toda e qualquer necessidade básica como resposta ao ambiente, expressa modo de vida, povo, ocupação, territorialidade, instituições, linguagem, instrumentos, serviços e sentimentos.
A cultura  é recebida como uma herança dentro do grupo, quando cada um desse grupo nasce e interage passa a ser portador de uma cultura, só o homem a possui, porque só ele é capaz de criar, plantas e animais não possuem cultura
Todo os componentes existentes na sociedade que se inter-relacionam e que sejam interdependentes, funcionam harmonicamente, como as idéias, as técnicas formando um conjunto, organizando economicamente, religiosamente,  a isto se dá o nome de cultura.
Desde o berço começamos a aprender esta noção, nas maneiras de nos alimentarmos,  vestuário, linguagem, personalidade,  não se pode é confundir herança intelectual com herança biológica. No caso a herança biológica transmite características físicas ou genéticas do seu grupo humano.
Além dos hábitos e costumes  vamos ampliando nossos horizontes, fazendo novos contatos e assim incorporando e transmitindo novos aquisições, como hábitos, costumes, língua, no modo de vestir, nas comidas, são heranças transmitidas entre os grupos, esta forma de inter-relacionar as culturas das- ce o nome de transculturação, que valores são intercalados. Existindo adaptação e enriquecimento cultural, por via de técnicas, instrumentos, imitação, de maneira pacífica , num processo dinâmico que faz aperfeiçoar, desenvolver e modificar continuamente os grupos..
Através da história podemos perceber como as culturas se recompõem, como são reconstruídas , como se dá o crescimento cultural - espiritual, que por meio da ocupação territorial, as relações se valores vão se alterando e se mesclando, por isso a Antropologia  considera cultura:

1)A cultura entendida como modos de vida comuns a toda humanidade;
2)A cultura entendida como modos de vida peculiares a um grupo de sociedades com um maior ou menor grau de interação;
3)A cultura entendida como padrões de comportamento peculiares a uma dada sociedade;
4)A cultura entendida como modos especiais de comportamento de segmentos de uma sociedade complexa.

Todos estes aspectos vão se inter-relacionando entre si e com os demais grupos externos e assim a cultura  é contínua e cumulativa.

A cultura é aprendida pela transmissão cultural em que fatores ambientais, psicológicos, sociológicos e históricos contribuem para compor a cultura  estratificando-a, lhe dando estabilidade.
Ela é formada por elementos, valores diversos que a compõem, como  organização social, a língua usada, a organização política, a estética, as idéias religiosas, as técnicas, sistemas de ensino. Esses elementos dão forma à cultura e a caracterizam.
A cultura é variável e vai se transformando  e sendo transmitida dos antepassados sucedidos no tempo, mesmo os valores se alterando, os novos,  como os trajes, a maneira de sentar à mesa, costumes linguagem, relações vão melhorando a sociedade e produzindo bem-estar.
Classifica-se a cultura para poder estuda-la, é apenas uma necessidade sua divisão e classificação. A cultura se classifica em material e não-material.
Ela também é divida em: necessidades biológicas, necessidades sociais, relações entre os homens, necessidades psíquicas, compreendendo  a totalidade da vida material, social e mental do ser humano.

Os elementos culturais são operacionalizados em sistemas em que se verificam a relação do homem com:

1)A natureza, com o meio ambiente geral:
2)O desenaizamento; a cultura afirma toda forma de colonização e toda colonização reafirma a forma de desenraizamento e morte das tradições. Quando falamos em cultura estamos diante de conquistas militares, de dominação econômica, de destruição de raízes, de ocupação na agricultura e nas pastagens.

Quando nos referimos à cultura falamos em cultura popular, nas múltiplas raízes que ela engendra, artes, no viver, na maneira de louvar as divindades, nos códigos lingüísticos, nas crendices e nos folclores.
Não podemos confundir o sentido de cultura com o de raça e o de língua, são  três variáveis independentes e não seguem a mesma direção. Cultura é o mais moderno instrumento trabalho para as Ciências Sociais, em geral, para a Sociologia e para a Antropologia.
Márcia Valéria
Enviado por Márcia Valéria em 10/08/2006
Código do texto: T213055

Comentários

Sobre a autora
Márcia Valéria
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
227 textos (327329 leituras)
13 áudios (6853 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/14 19:24)