Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tempo...Tempo!

O tempo é talvez o maior amigo da humanidade, inda que algumas vezes dele tenhamos receio. Austero em alguns momentos de nossa vida segue o destino sem que nada o detenha, contornando de forma impecável todo e qualquer empecilho que a ele se interponha...
Outras vezes o tempo apresenta-se maneiroso, quase preguiçoso, brincando com os fatos, fases e acontecimentos, promovendo a ilusão de eternidade, e assim tecendo em nossa jornada o véu que incita a curiosidade!
 Ah! A idade é algo que me faz pensar, é uma idéia, um sentimento, uma emoção talvez. É o marco de minha passagem por este planeta, aonde vou deixando marcas por onde passo e recolhendo os sinais que a vida deixa impressos em todo meu ser. E, quando penso que a existência é infinita, percebo que a idade, quanto mais avançada, torna-se mais bonita, porque traz em si o condensado de uma trajetória repartida com toda a humanidade.
Tempo...Expressão perfeita da ausência da pressa. Parcela da eternidade, que quase com saudade deixa a vida escorrer por seus espaços, no compasso que mais lhe agradar. Tempo... Período da existência que se compõe de partículas seculares formando enormes colares, nas voltas que propicia, numa seqüência infinita.
Assim vai a humanidade, consumida na temporalidade, que em verdade, é apenas uma ilusão!




Priscila de Loureiro Coelho
Consultora de Desenvolvimento de Pessoas
Priscila de Loureiro Coelho
Enviado por Priscila de Loureiro Coelho em 01/06/2005
Código do texto: T21374
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscila de Loureiro Coelho
Jacareí - São Paulo - Brasil, 65 anos
1286 textos (215223 leituras)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:37)
Priscila de Loureiro Coelho