Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Adeus Agosto



Eu me despeço de agosto com gosto.
Um  mês que não me  satisfaz.
Já era  antipático antigamente quando as férias , delícias de  julho ,terminavam
e agosto marcava o tempo de retorno à escola,
a reta final do ano letivo.  Responsabilidades dobradas.
Tomadas de atitudes recrudescidas na peleja  para fechar notas sem exames.
Depois  agosto ficou
melhorzinho...quando  indicava  para os filhos , a volta à escola.
Mas curtia os guris  no julho frio em casa , dormindo até  tarde,  fugindo de chuvas finas e geladas no aconchego  do lar. Ou em viagens boas.

 Alguns falecimentos , todos eles em  agosto , marcaram o mês estranhamente. Castelos de areias que se desfizeram em
ventanias de agosto , deixaram na alma um pesar sem gosto.
Não gosto de agosto. Justamente o mês que tem o nome em gosto.
Mas o' a' que o antecede,  elimina o prazer.
Adeus agosto...

Quero meus passos desmarcados a deixar   para trás a poeira deste tempo  árido, ver meus castelos reconstruídos com  chuvas e flores  que virão , com
certeza. Colorido que eu espero que chegue logo. Sentir  na  alma de todos , perfumes de setembro .
Um verde retornando úmido de prazer.
Quero portas  que se abram em arco-íris e  se  escancarem ,
 gritando:
 - Setembro chegou!

 Sabia que  viria...
Novamente não me decepcionou.

08- o5
luferretti
Enviado por luferretti em 25/08/2006
Código do texto: T225211
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
luferretti
Limeira - São Paulo - Brasil
367 textos (13120 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:44)
luferretti