Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ausências

Cheng corria os olhos pelas janelas dos vagões do trem das 16:27 hs vindo de Liverpool. Estava calor e abafado naquele 6 de Julho na estação Euston. O casal da amigos, Willy e Edna o viram e acenaram pra ele. Em minutos estavam rodando para a casa de Cheng em Richmond. Willy e Edna iam passar 14 dias em Marbela, Espanha. O avião os levaria as 11 horas do dia seguinte.
A esposa e a filha de 14 anos de Cheng foram passar férias em Archnashea, Escócia. Cheng tinha que trabalhar mais dois dias e iria se juntar a elas.
Cheng era um sino alto, cuja decedencia já estava à gerações no Reino Unido. Willy e Edna eram típicos teutões, ambos com mais de 1,85 m. Todos amigos há mais de quarenta anos. Eles eram cincoentões.
Depois de algumas horas no pub local de Cheng, resolveram voltar para casa levando o tradicional "fish´n´chips".
Beberam vinho e escutaram Little Feat, relembrando os agitados anos 70s. Pela manhã, por volta das 8 hs estavam num aconchegante dinner tomando o english breakfeast e ao fundo escutavam "on the road again" do Caned Heat. O clima, podia-se dizer, era de felicidade. Antigas e sólidas amizades e belas lembranças.
Cheng trabalhava na Fenchurch Street. Deixou o carro num estacionamento perto de Saint Pancras e pegou o metrô com eles até Tower Hill onde se despediu de Willy e Edna. Eles seguiriam viagem até Heathrow.
Ao chegar no trabalho soube que houvera uma explosão em plena City. Mais tarde ficou sabendo que foram quatro explosões e que foram atentados terroristas.
Cheng ligou para o celular de Willy. Nunca obteve resposta.
PS; Amigos comuns me comunicaram que Cheng conseguiu sair de casa e ir até a igeja, domingo passado.
Raferty
Enviado por Raferty em 25/08/2005
Código do texto: T45134
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Raferty
Santos - São Paulo - Brasil, 58 anos
76 textos (12893 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:29)
Raferty