Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dengue

     Todos nós ficamos extremamente alegres com a chegada do período chuvoso, especialmente porque a seca deste ano foi muito intensa, causando grandes prejuízos na pecuária e nas lavouras. Mas a chegada das chuvas não traz só contentamento, pois com elas vêm também uma grande preocupação: o risco que todos nós corremos com a proliferação da dengue.
     Pensando em deixar nossa cidade protegida do mosquito da dengue (Aedes aegypti) apresentamos aqui uma série de dicas e sugestões.
     Se você tem uma caixa d’água situada fora da casa, tenha bastante cuidado para não deixá-la destampada, pois o mosquito da dengue se prolifera, preferencialmente, em água parada e limpa.
     Mantenha as piscinas, as cascatas, lagos e qualquer espelho d’água sempre limpos, criando peixes ou tratando a água com cloro.
Não deixe nenhum objeto (tampas, latas, copos descartáveis, pneus etc.) que acumula água jogado em qualquer lugar. Os pneus velhos devem ser entregues ao serviço de limpeza urbana ou guardados em local limpo e coberto.
     Todo lixo doméstico deve ser bem embalado em sacos plásticos ou recipientes resistentes e destinado ao aterro sanitário do município.
     As lixeiras devem ficar sempre tampadas. Nunca jogue lixo em terrenos baldios e logradouros públicos (praças, ruas, parques etc.).
     Se você protege o muro com cacos de vidro, coloque areia naqueles que podem acumular água.
     Não se esqueça também de colocar areia nos pratinhos dos vasos de plantas ou xaxins. Evite ter em casa espécies de plantas que acumulam água, como bromélias. Caso faça questão, regue-as com uma mistura de um litro d’água mais uma colher de água sanitária.
     Limpe periodicamente as folhas e tudo mais que impede a água de correr por calhas que captam a água da chuva. Se sua casa possui laje, lembre sempre de retirar o excesso de água acumulada.
     Lave a vasilha de água dos animais domésticos (cães, gatos etc.) no mínimo uma vez por semana, com bucha, sabão e água corrente.
     Verifique se todos os ralos da casa estão desentupidos e, se não estiverem sendo usados, deixe-os fechados.
     Guarde garrafas e baldes vazios de cabeça para baixo, de preferência em local coberto.
     Deixe a tampa de vasos sanitários sempre fechada.
     Lembre-se que combater o mosquito da dengue é uma obrigação de todos !!!

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Publicado no Jornal Tribuna do Tocantins, edição n. 66, p. 06, de 09/11/2007. Gurupi – Estado do Tocantins.

Publicado no Jornal Mesa de Bar News, edição n. 282, p. 10, de 17/10/2008. Gurupi – Estado do Tocantins.

Publicado no Jornal Mesa de Bar News, edição n. 345, p. 16, de 15/01/2010. Gurupi – Estado do Tocantins.

Giovanni Salera Júnior
E-mail: salerajunior@yahoo.com.br

Curriculum Vitae: http://lattes.cnpq.br/9410800331827187

Maiores informações em: http://recantodasletras.com.br/autores/salerajunior
Giovanni Salera Júnior
Enviado por Giovanni Salera Júnior em 26/10/2007
Reeditado em 30/12/2011
Código do texto: T710745
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Giovanni Salera Júnior
Palmas - Tocantins - Brasil
1068 textos (2554008 leituras)
108 e-livros (25056 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 07:58)
Giovanni Salera Júnior