Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Coração bandido que me trai. . .

Coração bandido que me trai. . .

Coração solitário, não quer conhecer outro alguém, não se prende vive ao acaso.
Coração frustrado te busca e onde está você.

Tudo o que é demais é exagero!
Amar-te demais é exagero!
Exagero esse que mastiga o meu coração, estremece o meu corpo, me enche de desejo.

Desejo é só desejo.
É querer ter  e não poder.
É ganhar e não poder ter.
Sonhar e não querer acordar.

Às vezes o coração dói, a sua saudade, outras vezes um aperto que nem sei de onde vem.

Palavras perdidas pela vida... Esquecidas por você!
Atenção redobrada te vejo no olhar
Às vezes me busca, tenho medo de me prender.
Outras te buscam finge não me entender.

Quem terá coragem de dizer a verdade, da paixão que existe entre eu e você.

Te  amo demais, mais amar demais é exagero e tenho medo.

Coração bandido vive me traindo.
Susan Alquimis
Enviado por Susan Alquimis em 12/11/2007
Reeditado em 02/04/2009
Código do texto: T734472

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Susan Alquimis
São Paulo - São Paulo - Brasil
23 textos (6278 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 10:55)
Susan Alquimis