Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


A chance nossa de cada dia.


E o homem se faz de forte, urra e excede,
Forja seu território com repulsas e com o odor fétido de sua intransigência,
Fecha-se em seu mundo selvagem à espreita de seu próximo.

Com jubas, garras e presas se lança à batalha pelo sucesso.

Produto genuíno de uma selva inóspita,
Onde a caça, mesmo que farta, não é dividida
E só admite a sobra, para os da sua linhagem ou estirpe.

Cai a noite...
Revezam-se silêncio e sons medonhos...
É quando ele se deita em sua jaula solitária e raciocina...
É quando tem tempo para seus medos e insegurança,
É quando com sua carcaça fadigada e vulnerável,
Teme ser devorado pelos insetos.
Então, aos poucos, assume a posição fetal,
Arremete-se ao aconchego de sua concepção,
Do seu período pré-natal, quando por alguns meses submeteu-se a outrem.

Flutua em seus pensamentos
Como se o líquido amniótico fosse.

E sob o calor dos cobertores,
Clama, inconscientemente, pela proteção das seguras entranhas maternas,
Num misto de covardia e carência de quem mal arrumou a própria cama,
De quem mal preparou seu próprio habitat.

É uma paz deveras inquieta...

E rompe a impiedosa e fria aurora...
E o despertador são contrações anunciando a chegada da “boa hora”
E a responsabilidade, como fórceps, arranca-lhe para os braços da vida
Que mesmo com tantos e violentos tapas,
Não lhe permite um segundo choro...




Ronaldo Aparecido Silva
Enviado por Ronaldo Aparecido Silva em 24/11/2007
Reeditado em 14/07/2012
Código do texto: T751005
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ronaldo Aparecido Silva
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil, 58 anos
385 textos (11235 leituras)
13 áudios (506 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 23:32)
Ronaldo Aparecido Silva

Site do Escritor