Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FUI SEU PRESENTE ?

As vezes de amor se vive
as vezes de amor se morre..
Se grito o teu nome você socorre,
se me calo, o coração explode.
 
Meu coração precisa do teu.,
não me digas que o teu morreu.
Um certo talvez, foi a minha aposta,
que confuso foi resposta.
 
Coração sertão, no deserto Pantanal
Coração errado , vive perdido nos prados.
Coração atribulados, fantasiados
que morreu isolado sem carnaval.
 
Queria hoje te encontrar
veja o que podes por mim fazer,
escolhas o lugar,
pois tenho muito a dizer.
 
Foi meu pecado, ficar calado.
espero não mais acontecer.
Meu coração encontra-se sepultado
mesmo antes  de morrer.
 
Fiz da minha vida poesia, um sermão
de pokas letras a repressão.
Escrevia o que via na minha solidão,
e fiquei um servo em tua mão.
 
Mas pra mim tudo acabado
eu não devo ter mesmo amado,
o teu coração não foi culpado.
deste amor necrosado.
 
Vamos seguir em frente
nem me diga Adeus.
Penses apenas no que aconteceu.
Fui seu presente?
 
Rs t... 30 de Setembro de 2007   13:49
Ofside
Enviado por Ofside em 24/11/2007
Reeditado em 09/04/2009
Código do texto: T751117

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ofside
Rio Claro - Rio de Janeiro - Brasil
1661 textos (84702 leituras)
38 e-livros (808 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 13:40)
Ofside