Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando mais precisei de ti

1 -Quando mais precisei de mim, eu estava em ti. Quando mais precisei de ti para me encontrar, tu me viraste as costas. Agora vagando sem rumo pergunto aos céus, onde estarei? Onde estará meu porto seguro? Como me encontrarei?

2- Louca! Já me chamaram várias vezes. Nunca se deve fragilizar diante de alguém! Já me disseram várias vezes. Ame você em primeiro lugar! Já tentaram me convencer. Agora eu me pergunto vagando nas ruas estreitas da solidão, por que fui tão surda? A resposta vem em forma de uma lágrima densa, mostrando que naquela época eu não estava preparada para ouvir. Era necessário que tudo acontecesse, para que eu me tornasse o ser que sou.
Mel L Frankust
Enviado por Mel L Frankust em 11/10/2007
Reeditado em 11/10/2007
Código do texto: T689359

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mel L Frankust
Goiânia - Goiás - Brasil
749 textos (34699 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 02:50)
Mel L Frankust