Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor

Como gosto de você
Os dias das lágrimas
Não me desespero
Continuo a tentar ser muito feliz.
E das brigas almejo a paz.
I das recusas acabo aceitando.
Ção da resistência me acostumo.
Apesar dos dias sigo adiante.
Oh que dor e me sinto bem.

Pois dos tropeços vou caminhando.
Um dos mal nós sobrevivemos.
Raramente da ausência nada me falta.
Apesar do frio me sinto calor.

Inveja está inteiro.
Não sou falso, mas verdadeiro.
Faço do atraso e sempre alcanço.
I da distância me aproximo.
E das marcas já me esqueci.
Lamentei de tudo estou contigo


Dedicação a Maria da Conceição Gomes Santiago

Aguiazul
Enviado por Aguiazul em 07/12/2007
Reeditado em 01/06/2011
Código do texto: T768044
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aguiazul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1026 textos (74373 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 01:40)
Aguiazul