Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem Curvas

Trilho caminhos descubro rios, montanhas, vales, caminho ao sol, debaixo de chuva. Vejo o horizonte, o nascer do sol, o anoitecer. Caminhada sem fim, pisando na relva, na terra, nas pedras. Caminho, só, em silêncio, caminho!

É uma estrada longa, sem curvas, quase ao anoitecer. Ando pela encosta, devagar, sem saber aonde chegar. Vejo um vulto, que sai de entre arbustos, pega a estrada e vem de encontro a mim. Sinto medo, fico insegura, paro. O vulto se aproxima, levanta o rosto e sorri. Era você!

Nerah
Enviado por Nerah em 31/12/2005
Reeditado em 11/04/2008
Código do texto: T92909
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nerah
Canadá, 69 anos
118 textos (4236 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:41)
Nerah