Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POETAR PARA SOBREVIVER

Na hora da dor extrema a poesia é insuficiente. Abstrata, não tem um coração pulsando. O coração da poesia é sempre o nosso que ela absorve e nos devolve em versos. Na hora da dor extrema, poetar é apenas o instinto de sobrevivência.
Sal
Enviado por Sal em 15/01/2006
Código do texto: T99057
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sal
Marília - São Paulo - Brasil, 78 anos
507 textos (44782 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:19)
Sal