Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESCOMPLICANDO A LÍNGUA

----------------------------------------

MANUAL DE REDAÇÃO

 

A (preposição) usamos quando indica tempo futuro, medida, distância ou, então, quando a substituição por [faz] não é possível: Partiremos daqui a três dias. - O atirador estava a três metros.

 

(verbo haver) usamos quando indica tempo passado, decorrido (pode ser substituído por faz) ou quando tem o sentido de [existir]: dez anos que não nos vemos. - muitos livros sobre a mesa.

 

A Par equivale a: [ciente de, informado de, prevenido de]. Em geral, é usado com o verbo [estar]: Estava a par do fato. (nunca ao par)

Ao Par indica título ou moeda de valor idêntico: Parece que o real não está mais [ao par] do dólar.

 

Abaixo significa [embaixo]: Sua posição está abaixo da minha.

A Baixo significa [até embaixo] ou [para baixo]: Eles corriam a arquibancada de alto a baixo (até embaixo).

 

Acabar Com significa [pôr fim a] ou [destruir, dar cabo]: Governo acabou com as mordomias.

=•> Por isso, para dizer que alguma coisa se encerra com outra use [termina ou encerra-se]. Assim evitamos o duplo sentido presente em [acaba hoje com promoções]: Exposição termina (encerra-se) hoje com promoções.

 

Acaso use com [se]: Se acaso você falasse... Se acaso você quiser...

Acaso também pode ser usado em frases como: Acaso lhe perguntaram alguma coisa?

Caso rejeita o [se]: Caso você falasse...  Caso você queira.

 

Afim é um adjetivo que significa [igual, semelhante].

A Fim relaciona-se com a idéia de afinidade: Elas possuem sentimentos [a fins] (afinidade de sentimentos).

A Fim De significa [para] e indica a idéia de finalidade: Eles estão aqui a fim de trabalhar (com a finalidade de, para trabalhar).

 

Alcançar é com [Ç], mas CANSAR é com [S].

 

Alertamos alguém de, contra, para, sobre alguma coisa: Os escritores alertam (alguém) os leitores do risco da pirataria no país.

=•> É possível omitir quem recebe o alerta: Os escritores alertam sobre (contra, para) o risco da pirataria no país.

Alertar Que não existe: Os escritores alertam que o país corre risco de pirataria. (errado)

 

Aonde se emprega com verbos que indicam movimento ou aproximação. Opõe-se a [donde], que exprime afastamento: Queres chegar aonde? — Vais aonde? — Aonde ele foi?

Onde é usado quando significa [em que lugar] ou com verbos que não indiquem movimento: Não sei onde está a chave. - Onde ele está?

=•> Em termos práticos, [aonde] pode ser substituído por [a que lugar], [para que lugar], enquanto [onde] equivale a [em que lugar].

 

Apostilas publicadas para uso de alunos parece ser a forma mais empregada hoje. No entanto, pelo Brasil afora se emprega também [apostilha].

 

Avôs (no plural) designa o [avô paterno + o avô materno]: Não conheci meus avôs.

Avós é [o avô + avó] ou, em geral os ascendentes.

 

Boêmia (escreve-se assim) é uma palavra paroxítona. Porém no português do Brasil é corrente a pronúncia boemia[mi]: Ele vive na boemia.

=•> Boêmia emprega-se como adjetivo, feminino de boêmio: Ela leva uma vida boêmia.

 

Dar-se ao Trabalho ou Dar-se o Trabalho são aceitáveis, mas a primeira é que sempre mereceu a preferência dos bons escritores: Pouca gente se dava ao trabalho de ver o que era.

=•> Algumas variantes:dar-se ao incômodo ou dar-se o incômodo. Poupar-se ao trabalho ou poupar-se o trabalho. Dar-se ao luxo ou dar-se o luxo.

 

Diz-se: O ou A manequim Simone. O ou A modelo fotográfico.

 

Decerto quer dizer certamente, com certeza. É advérbio. Não confundir com [disserto], forma do verbo dissertar.

De certo nunca. ®

_________________________________________

Ajudaram na elaboração deste manual:

Rocha Lima, Gramática Normativa da Língua Portuguesa.

Adriano da Gama Kuri, Ortografia, Pontuação, Crase.

Eduardo Martins, Manual de Redação e Estilo.

Agradeço a leitura e, antecipadamente, quaisquer críticas ou comentários

Se você encontrar erros (inclusive de português), por favor, me informe.

Ricardo Sérgio
Enviado por Ricardo Sérgio em 10/04/2006
Reeditado em 19/01/2009
Código do texto: T136806

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre o autor
Ricardo Sérgio
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 69 anos
1281 textos (21203587 leituras)
7 e-livros (8550 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:28)
Ricardo Sérgio