Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"M U I T O" - classificação MORFOLÓGICA e SINTÁTICA (parte " 1")


                                 Veja como é pertinente a pergunta que nos
 foi formulada por um colega a respeito da palavra "MUITO"  (e, por
ser pertinente e, talvez, porque muitos também tenham tal dúvida,
achamos de bom alvitre (=bom alvitre : aconselhável), incluí-la aqui,
para os esclarecimentos oportunos) :

        "- Afinal, a palavra MUITO é ou não  ADVÉRBIO? E, se é, como
           explicar que exista a palavra "MUITOS" como a FORMA PLURAL
           para essa palavra MUITO, CONSIDERANDO-SE QUE "ADVÉR-
           BIO É PALAVRA INVARIÁVEL e, como tal, não deveria  permi-
           tir nenhum tipo de flexão, seja para o feminino, seja para  o
           plural ?"
           
                                   Respondendo :

1) MORFOLOGICAMENTE FALANDO :
 
    Há DUAS POSSIBILIDADES DE CLASSIFICAÇÃO MORFOLÓGICA para
    a palavra MUITO :


    A) PRIMEIRA CLASSIFICAÇÃO : A D V É R B I O   D E   I N T E N-
                                              S I D A D E
                                              (É    I N V A R I Á V E L)
        Ex.: Ele está MUITO feliz com o casamento.
              "Feliz", nesta oração (=oração : frase que contém VERBO),
               é advérbio, PORQUE  N Ã O  permite flexão para o plural.
               A prova disso é que, se passarmos esse mesmo exemplo
               para o plural, a palavra MUITO não flexionará para o plu-
               ral. Veja pelos exemplos :
               "Ele está MUITO  feliz com o casamento" (sujeito da ora-
               ção - "ele" no singular; por consequência, também o ver-
               bo "está" no singular)
                                                     e
               "Eles estão MUITO felizes com o casamento" (sujeito da
               oração "eles" no singular; por consequência, também o
               verbo "estão"  no plural).

                                     E, NOS DOIS EXEMPLOS, A PALAVRA
               "MUITO" NÃO SE ALTEROU. Logo, nessas duas frases  ,
               a palavra "MUITO"  é  A D V É R B I O .


     B) SEGUNDA CLASSIFICAÇÃO :  P R O N O M E    I N D E F I N I-
                                                D O.
                                                (É   V A R I Á V E L, tanto para
                                                 a forma FEMININA como para a
                                                 forma PLURAL).

          Ex.: Há MUITA gente torcendo contra nós.("Muito", aqui, em-
                                                  gada na forma feminina singular)
                                                 
                                      e também poderia usar a palavra MUITO
                                      flexionada para o FEMININO PLURAL.

                                       Veja :
                 MUITAS pessoas não rezam ao dormirem ("muito", aqui,
                                       empregada na form a feminina plural).
                   
                                       Agora, Utilizando "muito" na FORMA
                                       MASCULINA  |:
                                       
                 Há MUITO homem que não valoriza sua esposa ("muito",
                                       aqui, empregada na forma masculina sin-
                                       gular.
                                                     e

                 MUITOS indivíduos são naturalmente chatos ("muito", a-
                                        qui, empregada na forma masculina plu-
                                        ral.

                                        E aí retornamos à questão inicial :
      Como saber QUANDO a palavra MUITO é INVARIÁVEL (=advérbio)
      e QUANDO "MUITO" É VARIÁVEL ?

                                        É  simples...MUUUUUUUITO SIMPLES.

                                         Vamos repetir os exemplos acima, para
      melhor entendermos a diferença entre "Muito" - advérbio -       e
      "Muito" - pronome indefinido .

      1o. exemplo :  Ele está MUITO "feliz" .
      2o. exemplo :  Eles estão MUITO "felizes"
      3o. exemplo :  Há MUITA "gente" torcendo contra nós.
      4o. exemplo :  MUITAS "pessoas" não rezam ao dormirem.
      5o. exemplo :  Há MUITO "homem" que não valoriza sua es-
                          posa.
      6o. exemplo : MUITOS "indivíduos"são naturalmente chatos

                                        O que chama a atenção nessas fra-
ses que reproduzimos ? Isso mesmo :  algumas palavras ESTÃO
DESTACADAS COM ASPAS.
                                         E por que as destacamos ? Para que o amigo leitor verifique A CLASSE GRAMATICAL de cada uma delas.

                                         E qual a classe gramatical da palavra
 aspeada nos dois primeiros exemplos ? Exatamente : ADJETIVO.

                                          E qual a classe gramatical da palavra
aspeada do terceiro ao último exemplos? Perfeito : SUBSTANTIVO.
 
                                         E é NESSE DETALHE que  está A DIFERENÇA ENTRE "MUITO" COMO ADVÉRBIO e "MUITO" COMO PRO-
NOME INDEFINIDO :(anotem aí em sua memória!)

              "MUITO" será SEMPRE  A D V É R B I O  quando depois dele
vier UM ADJETIVO"          ;

                                         e
 
              "MUITO" será SEMPRE  P R O N O ME  I N D E F I N I DO
em duas situações :
              - Quando vier ANTES DE UM  S U B S T A N T I V O (é o
                 caso dos exemplos 3 a 6 acima)
                                         ou
              - Quando vier  SOZINHO - APENAS NA FORMA MASCULINA
                PLURAL - "MUITOS" (não seguido nem de  substantivo
                nem de adjetivo.

                                             Repare nestes exemplos :
 
                MUITOS desconhecem o que seja a vida.
                A vida é algo desconhecido para MUITOS
                   
 
                                              (Hoje, abordamos sobre a CLASSI-
                FICAÇÃO  M O R F O L Ó G I C A  da palavra MUITO.
                                                Para não ficar um assunto muito
                longo para um  único dia, no nosso próximo encontro  a-
                bordaremos sobre a CLASSIFI CAÇÃO  S I N T Á T I C A
                dessa mesma  palavra. OK?)

                                               Aguardo-nos em nosso próximo en-
contro !
                   "          
pedralis
Enviado por pedralis em 13/02/2009
Código do texto: T1436755
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
pedralis
Salvador - Bahia - Brasil
2744 textos (2836994 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 31/10/14 12:11)
pedralis



Rádio Poética