Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Decodificando a gramática:
CLASSES VARIÁVEIS E INVARIÁVEIS
COMO SABER QUAL É QUAL?


     Como o próprio nome já diz, e parece ser meio óbvio, as palavras pertencentes às classes variáveis variam (sofrem modificações em sua estrutura) e as pertencentes às invariáveis não variam (sua estrutura fica intacta). Há também uma que está no meio-termo (algumas palavras da classe variam, e outras não).   


► AS CLASSES VARIÁVEIS
Substantivo;
Artigo;
Numeral;
Adjetivo;

Verbo.



► AS CLASSES INVARIÁVEIS
Advérbio;
Conjunção;
Interjeição;
Preposição.



► A MEIO-TERMO
Pronome.


1. COMO ASSIM "VARIAM" OU "NÃO VARIAM"?
     A forma de algumas palavras podem sofrer modificações em determinados contextos; já outras, não. Um exemplo de mudança clara está no singular/plural


2. COMO SABER SE UMA PALAVRA É VARIÁVEL OU INVARIÁVEL?
     
Em geral, basta tentar transpor uma palavra, em determinado contexto, no singular/plural

 
Exs.:
          Uau! Ninguém tinha notado, mas aquele jovem garoto, no seu primeiro dia de aula, estava bastante cansado.

            Fazendo o procedimento (o de transpor para o singular/plural): 
 
     Uau(S)! Ninguém(S) tinha(M) notado, mas(S) aqueleS jovem(NS) garoto(S)no(S) primeiro(S) dia(S) de(S) aula(S), estava(M) muitoS cansado(S).


     As palavras que não puderam ser modificadas (riscadas), na transposição para o plural, são, portanto, INVARIÁVEIS:

Uau! - interj.          
Ninguém -
pron.        
Mas -
conj.     
n("em") -
prep.
De - prep.             
Muito -
adv.


     E as que puderam são VARIÁVEIS:

Tinha notado - loc. verbal
Aquele - pron.
Jovem - adj.
Garoto - subst.
Primeiro - num.
Dia - subst.
Aula - Subst.
Estava - verbo
Cansado - adj.

     E uma observação para a classe MEIO-TERMO:
          Pronomes, como já ditos, designam-se como MEIO-TERMO porque, em alguns momentos, variam, em outros, não:

Ninguém - pron. indefinido.
(INVARIÁVEL)
Aqueles - pron. demonstrativo. (VARIÁVEL)

          Em geral, pronomes indefinidos, interrogativos e relativos apresentam alguns vocábulos que são invariáveis.


3. PARA QUE ISSO É ÚTIL?
          Isso parece ser meio fútil, mas não é. Saber sobre esse assunto tem sua utilidade, por exemplo, quando é preciso saber a diferença entre o adjetivo "muito" e o advérbio "muito". Transpondo para o plural as seguintes frases, teremos:


Exs.: Ele recebeu muito presente dos amigos.
         Eles receberam MUITOS presentes dos amigos.
                       (ADJETIVO, pois varia)

          Ele foi muito mal na prova. 
          Eles foram MUITOS mal nas provas.
            (ADVÉRBIO, pois não varia)
Jonathan Menger
Enviado por Jonathan Menger em 24/08/2017
Reeditado em 24/08/2017
Código do texto: T6094024
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jonathan Menger
Viamão - Rio Grande do Sul - Brasil, 27 anos
22 textos (1365 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/11/17 09:58)
Jonathan Menger