Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIGÍLIA

mulher de estranha
calma
ascende acesa

(reflexão orbital em torno do termo "mãe", depois de ler um poema que tratava da complexidade do amor materno)
Escobar Franelas
Enviado por Escobar Franelas em 02/09/2006
Código do texto: T230740

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Escobar Franelas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 48 anos
871 textos (104376 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 01:49)
Escobar Franelas