Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PARA
TODAS VOCÊS 
MULHERES


Neste dia, PARA TODAS VOCÊS, o meu muito obrigado, eis que, desde a mãe primeva, desde a primeira esposa, desde a primeira filha, é através de vós que, na Terra, tem sido refletida a LUZ. 

Vós, causa à LUZ, acima de nós, sois a fé encarnada do dia-dia de nossas vidas, homens que somos, em geral, de pouca fé. 

Vós sois, à inspiração para vencermos às trevas de nossos erros constantes, estes, impedimentos para alçarmos vôos para conhecimentos mais libertadores, neste “arrasta-arrasta”, sobre a superfície deste orbe. Passamos séculos e mais séculos para aprendermos um mínimo, segundo a Roda da Vida; enfrentamos enormes dificuldades para adentrarmos em Novos Portais dimensionais mais puros e vencedore, Caminhos  à eternidade, nesta nossa longa jornada, em busca da Obrigatória  Evolução. 

Vós mulheres sois e podeis,deveis ser, o Amor; o amor em busca da Sabedoria e Poder Divinos; pelo Coração podeis iluminar às Mentes dos homens, em geral desconhecedoras dos poderes velados inatos em si mesmos,além do racional, extremamente limitado, e que, nos proporcionariam, àquela  necessária firmeza mental e emocional em direção  á vitória sobre nós mesmos, tornando nossa caminhada presente pela captação das virtudes divinas, mais eficaz.

Vós, mulheres, sois, creio eu, acima de tudo, ouvidos, muito mais que bocas em palavras ditas sem pensar, que a maioria vocifera, inúteis, que não acabam com o incêndio no circo; que deveriam calar a fera, o desequilíbrio espalhado, prejudicando à todos na Terra e no Cosmos; vós sois, creio eu, a voz que  harmoniza vossos filhos e companheiros EM LUZ, para, em elevada pré-disposição mental e emocional, encaminhá-los em Amor à Gloria, em libertação da prisão esférica presente de almas desgarradas de seu sítio primevo, em expiação de erros pretéritos, no Aqui, Agora.
  
Disto, se nós, homens de pouca memória, ouvíssemos mais vossos corações, mulheres, nossos corações, sem sombra de dúvidas, já teríamos o conhecimento para vencermos o último dos baluartes: a consciência da morte, in glória preparada para todos, no seu devido tempo, em dias futuros e próximos, quando a consciência permanente de Todos estará plenamente conectada A Divina Presença, Eternamente.

Finalmente, sei que sabeis que, todo aquele que estiver conectado com a sua Essência Divina, com certeza, estará CRIANDO COM PERFEIÇÃO; estará gerando a cura, a abundância e prosperidades infinitas, Neste Plano, neste Sistema, Aqui, Agora, em benefício de todos, em libertação da humanidade, para a LUZ, rumo ao Pai Celeste, em Constante Expansão; semeadura do porvindouro próprio: Felicidade!!! 

Por isto, em homenagem a Todas Vocês, Aqui, Agora, Como Expansão da Essência Divina, Ancorada no Coração de Cada Um de Nós, expandindo-se sobre o Planeta Terra, rumo ao infinito,Por Todos os Filhos de Deus, apresento o soneto:

POR QUE SERÁ?

POR QUE SERÁ QUE VIVO SEMPRE TRISTE,
SEMPRE A PENSAR NO TUDO DO NADA,
A SONHAR COM O QUE, TALVEZ, NÃO EXISTE,
E VER EM SONHO A ALEGRIA DESEJADA?

POR QUE SERÁ QUE NUNCA VI A FELICIDADE,
NUNCA SENTI O PRAZER DE VIVER,
SÓ TENHO NA VIDA UMA GRANDE VONTADE,
QUE É UMA VONTADE IMENSA DE ESCREVER?

POR QUE SERÁ QUE NADA ME CONTENTA,
NADA PARA MIM TORNA-SE A VIDA,
NA QUAL SÓ VEJO UMA GRANDE TORMENTA,
QUE DESABA SOBRE A TERRA JÁ AMORTECIDA?

POR QUE SERÁ QUE NUM MUNDO LINDO,
NUM MUNDO ALEGRE E CHEIO DE BELEZA,
EU VIVO CAINDO E TROPEÇANDO,
NO MUNDO SEM FIM DA INCERTEZA?

POR QUE SERÁ QUE EM VEZ DO TROPEÇO,
POR ESSES CAMINHOS CRUÉIS E ERRANTES,
NÃO CAIO, ENTÃO, SE É QUE MEREÇO,
NO ABISMO DE TEUS OLHOS BRILHANTES?


Porto Velho, 08 de março de 2006.

Para Você, para Todos Vocês presentes nestas páginas, vivendo nos seus “Aqui, Agora, Eternamente, Enquanto na Vontade Maior”, aí, meu grande "quebra- costelas", quieto, carinhoso, silencioso, amigo, ouvinte, eterno.


__Amando a Essência Divina Individualizada em Você, em Cada Um de Vocês, Meus Amados Filhos, Meus Amados Irmãos-Amigos, Em LUZ, Aqui, Agora, Desde Sempre, Enquanto na Roda da Vida, e Além, Como Expansão Constante do Todo, na Vontade Maior, Eternamente, dia após dia, em maior firmeza mental e emocional, no persistente trabalho PELA LUZ;

Fazendo Muitíssimos Votos para que cada um de Nós Seja Capaz de Doar, ao irmão próximo, o que não lhe for útil, pois isto será uma benção renovadora em prol de todos os necessitados;

No aguardo de que, saibamos, Todos, que, assim agindo, com compaixão, estaremos semeando no Cosmos, Sempre Fértil, para o nosso próprio porvindouro, em Paz, em Cura, em Abundância e Prosperidade Plenas, Sempre Expansível, despeço-me para daqui a pouco, pretendendo voltar em outro texto, eis que, necessitados somos Todos, não só do Pão Físico, mas do Eterno: justo e perfeito; que nos é doado DO FOGO CÓSMICO, conforme a Lei de Causa e Efeito; conforme o ânimo que necessitamos e semeamos, Aqui, Agora, Sempre.

HAJA LUZ. HAJA ÉTICA.


Vitor Hugo Bitencourt da Silva


Sócio Fundador da Associação Rondoniense de Poesia–ACARP
Sócio efetivo e Comendador da Ordem da Confraria dos Poetas Brasil –
OCPOETAS BRASIL
DOUTORANDO
Web Sites: http:// www.vhbbrasil.recantodasletras.com.br (textos) /
www.recantodasletra.com.br (autores, ordem alfabética, letra “v”, número “3”, abaixo da página, TEXTOS)

E-mails:
vhbbrasil@vhbbrasil.recantodasletras.com.br / vhbbrasil@yahoo.com.br
Prof Vitor
Enviado por Prof Vitor em 08/03/2006
Reeditado em 09/03/2006
Código do texto: T120519
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Prof Vitor
Porto Velho - Rondônia - Brasil
142 textos (19423 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:20)