Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mãe que não pariu...

Sonhado...
Planejado...
Desejado...
E como desejado...
Mas não gerado.
Não teve enjôos...
Dores nas costas...
Desejos estranhos.
Não teve palpitação...
Estrias...
Contração.
Não sentiu mexer
Mas...
Sentiu em seu coração nascer
Em cada riso...
Em cada choro...
Em cada xixi...
Em cada tose...
Cólica...
Asfixia.
Em cada febre...
Toque de pele
Por osmose
Ou mesmo
Sentido de pose.
Mãe foi se tornando
Quando este amor incondicional
foi aflorando
Mãe que não pariu...
Mas o amor de mãe dela fluiu

Iza Mota
Recife-PE

Iza Mota
Enviado por Iza Mota em 13/05/2006
Reeditado em 30/04/2007
Código do texto: T155511
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Iza Mota
Recife - Pernambuco - Brasil
785 textos (81966 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:57)
Iza Mota