Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"SAMPA"

tanto, tanto concreto
e eu, abstrato
absorto, discreto
desenho o teu retrato
nas vigas de aço
que te sustentam
e te dão forma:

côncava, convexa
cômica, complexa

assombra-me
a tua sombra

noites insones
domicílio dos sonhos
luzes tenazes
vaga-lumes vorazes
passam e não se vêem

“homens de trapo
 imitam a vida”
flores de pedra
confusa intriga

casas de gigantes
arranhando o céu
                                   
                                   e eu, abstrato
                                                     absorto, perplexo
de alma vazia
absorvo a poesia
latente no teu
concreto.
João Nery Pestana
Enviado por João Nery Pestana em 22/05/2006
Reeditado em 22/05/2006
Código do texto: T160797
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
João Nery Pestana
São Paulo - São Paulo - Brasil
29 textos (1098 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:16)
João Nery Pestana