Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NINFA

( a minha Mãe, minha maior incentivadora, hoje com 81 anos )

Quão bela fostes
tuas faces brancas
[ Formosa ]
tuas mãos em luva
paixão de outrora

Quão bela fostes
teu sorriso meigo
[ Ninfa de beleza ]
teu olhar tranqüilo
tua fortaleza

Quão  belo foste
teu rubor das faces
[ Deusa da alegria ]
teu andar macio
tuas fantasias

Quão belo foste
teu beijo inocente
[ Bela do amor ]
teu sonhar materno
todo o teu calor
Quão belo foste
tudo o que fizeste
que ficou pra atrás
que roubaste, Oh! Tempo
todo em pensamento
que balança hoje
na cadeira d’alma
do formoso tempo
que não volta mais.

angela soeiro
Enviado por angela soeiro em 27/06/2006
Código do texto: T183473
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
angela soeiro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
88 textos (3359 leituras)
1 e-livros (36 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:54)
angela soeiro