Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

M ├ E

Olho para ti e penso o que tu eras, uma Mulher forte, possessiva e exigente ,,,
Criaste, os teus filhos os teus netos ... eram 4 dois meus, e dois do meu irmão.
Deus levou-te um, do meu irmão começou ai os teus desgostos,mas, também te compensou com mais uma menina, a ti e a ele...
Belos tempos, de trabalho,  mãe,  de alegrias, quando estavam todos juntos, e ai, se algum deles não fizesse o que tu dizias ... parecias um general mãe, a comandar as tropas.
Para quê mãe? hoje estás doente, triste, desiludida da vida, por muito que eu fale, finges que ouves, e fazes as coisas á tua maneira, como sempre ...
Oh ! mãe hoje olhaste para mim, olhei para ti, e vi-te um olhar vago, nem sabes o que eu senti, já não são os mesmos olhos, mãe, mas não quero deixar de te fazer aqui uma homenagem, muito grande do tamanho do Mundo, por tudo o que fizete por mim, por tudo o que não fizeste, por tudo o que me deste, por tudo o que não me deste, sim porque ás vezes, mãe foste muito fria, crel, mesmo, mas, enfim fizeste de mim uma Mulher! ...
Gosto muito de ti e dar-te-ei sempre todo o meu Amor, Carinho, e Respeito ! ...
Obrigado Mãe ...
Um beijo grande ...


nita
Enviado por nita em 29/07/2006
Cˇdigo do texto: T204802
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
nita
Portugal
165 textos (11175 leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 04/12/16 00:21)