Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Anjo Poeta (Mario Quintana)

O chamavam de Anjo
Suas palavras eram preces
Seus poemas um hino de louvor
De esperança e de amizade
Suas frases permanecem vivas
Na alma daqueles que ele amou
E conquistou com a sua maestria
Sua imaginação e sua magia
Unidas a sua sabedoria
Levou ao mundo a sua obra
Tratando as letras com carinho
Escreveu e traçou seu caminho
Embora digam que vivia sozinho
Mas não vivia tão sozinho assim
Ele amou e foi amado em cada verso
Por seus fãs e amigos que ainda o lêem
E guardam na alma as suas poesias
Para um dia aquecerem suas almas
Com a chama de sua obra imortal
A obra do Anjo poeta, Quintana.

Você, poeta maior...
Anjo de todos poetas...
Jamais o esqueceremos...

vovonei

Balneário dos Prazeres
31/07/06

Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 01/08/2006
Código do texto: T206430
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147475 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 07:57)
Volnei Rijo Braga