Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

meu herói

Esta homenagem pretendo fazer a um baluarte da minha cidade natal, alguém que no meu tempo de criança representou muito para mim, o Padre Afonso.

Cresci numa rua pobre da minha cidade, de tão pobre chamavam rua da favela e o lugar onde eu morava era mais pobre ainda, chamavam beco do fedor por causa do esgoto que passava bem na frente de minha casa.

Meu pai era/é um homem honrado e trabalhador, minha mãe era/é muito querida no bairro, costurava e fazia geladinho para ajudar nas despesas da casa, meus pais eram extremamente religiosos, não perdiam missa nem dia santo.

Um dia meu pai adoeceu e minha mãe teve que se desdobrar para sustentar a casa e por causa disto não puderam mais ir a missa.

O padre sentindo a falta deles pela primeira vez resolveu ir em nossa casa, ficou indignado com a situação em que viviamos, resolveu ir até ao prefeito, a quem ele apoiava, para resolver o problema do esgoto e do lixão, o prefeito prometeu e...NÃO FEZ NADA.

Pela primeira vez eu vi o padre falar mal do seu grupo politico e não parou mais, um dia com ajuda do toninho ele conseguiu junto a comunidade retirar o lixão e fazer a rede de esgoto da rua, foi um sucesso e se não bastasse nos levava toda semana comida, roupas usadas, e brinquedos quebrados, que consertavamos e passavamos o dia brincando.

Um dia o padre amanheceu morto na frente da casa paroquial.

e eu...bem não quero fazer disto uma justificativa para meus erros.

Padre Afonso foi e ainda é meu herói Nº 1.
che guevara
Enviado por che guevara em 31/08/2006
Reeditado em 01/09/2006
Código do texto: T229807
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
che guevara
Abaíra - Bahia - Brasil, 45 anos
37 textos (12504 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:16)