Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inspiração - Poema de uma mulher li(n)da

esse menino oceânico habita o casario dos versos;
por hora a melodia consola o aroma de pêssego
"e o sabor da pele, nestes dias perto das grandes
chuvas, uma cadeira, uma vassoura e um casaco
o poeta habita uma instalação cenográfica, a terra
da água das cerejas verdes e um Deus sempre
atrasado na dor, na morte, no engano de uma
igreja para outro, uma igreja tem sentido
quando é uma boca, a minha porta senta-te
como o magro mar da tua língua no seu coração
salgado, aqueço-te, as mãos da alma certa na
alegria súbita de não haver mais oceano vem
não chora, não chove, não dança a nostalgia

a casa espera-te, a porta é ampla, eu estou
já à janela dos teus seios, a luz branca, da
casa branca, onde meu braço saindo do
teu coração já tem a mão vermelha na face
lisa do sol. não quero mais abandono no planalto
umbigo do mundo, a serra dos números, os
números não enganam, os números foram inventados
para nos enganar, Deus é o único, número três, gosto
dos teus poemas, leio a mulher lida, linda. choro."



"o inspirador"
marcia eduarda
Enviado por marcia eduarda em 11/09/2006
Reeditado em 13/09/2006
Código do texto: T238059

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (márcia eduarda®). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
marcia eduarda
São Paulo - São Paulo - Brasil
534 textos (16560 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 04:57)
marcia eduarda