Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ACHEI QUE TINHAMOS TEMPO.

Homenagem à memória de Getulio Henrique.
(Meu sobrinho amado).

Lembro-me do dia que troquei as suas fraldas,
Fiz-te ninar, e te coloquei no colo brincando,
De tempos em tempos, te vi crescer e virar um adulto.
Gostava de compartilhar contigo as novidades do mundo,
Ouvindo sua voz, que docemente buscava pela vó,
Chamando-a com carinho, querendo sempre um lanchinho.
É... De longe admirava seu jeito simples e amoroso de ser.
E enquanto você esperava seu lanche conversávamos.
Mas hoje, vejo que não passei o tempo que devia ao seu lado.
Porque fui uma tia um tanto ausente, e hoje me cobro isto,
Porque deveria ter-lhe dado mais atenção do que te dei,
Mas não o fiz, porque acreditei que tínhamos tempo...
É pensei errado, porque não foi isto que nos aconteceu,
O destino nos negou este tempo, tirando-o do nosso meio,
Hoje lamento a sua perda amargamente e com saudades,
Porque não posso te dizer mais nada, e muito menos vê-lo,
Pois neste momento, você se encontra numa outra dimensão,
Incrível... Agora que voce esta longe, sinto-o perto, mas
A saudade que sinto de voce é doida e não posso resolvê-la,
Porque voce foi para o Céu, deixando-nos com muitas saudades.
É Getulio agora só me resta suas lembranças e rezar por você,
Pedindo a Deus Pai, que cuide e o guarde num bom lugar no Céu,
Pois você merece ser eternizado nos nossos corações, porque
Aqui no nosso meio voce sempre foi um bom filho e amigo!
Ah... Meu amado sobrinho, quanta saudade você nos deixou!...
Sentimos sua falta! Você é especial nos nossos corações
Quem dera tivesse o poder de mudar o seu destino, pois
Com certeza eu o traria de volta ao nosso meio familiar,
Porque todos sentimos a sua partida inesperada,mas...
Não posso fazer nada, porque não tenho poderes divinos,
Mas se os tivesse, eu o traria de volta rapidamente para nós.
É o Pai te chamou, e temos que aceitar a Sua decisão...
Mas uma coisa eu tenho certeza, esteja onde você estiver,
Ouça-me com atenção:
“Nunca vou te esquecer e eu sempre te amarei!”.

Glaucia Duarte
Enviado por Glaucia Duarte em 23/09/2006
Reeditado em 07/01/2013
Código do texto: T247051
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Glaucia Duarte
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
1955 textos (250918 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:15)
Glaucia Duarte