Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A meus pais

Em uma cidade
do interior mineiro
eles se conheceram
e seus caminhos se juntaram.
Dificuldades? Muitas!
Unidos? Sempre.
E veio o primeiro filho.
Mudaram-se para outra cidade.
O pai deixou seu emprego na lavoura
e foi para a indústria.
E após quatro anos
a primeira menina.
A queridinha do pai
"Esta nunca me responde mal"
Agora mais um menino
e depois outro menino.
Este se parecia muito com mãe,
talvez por isso ficou sendo o predileto dela.
Depois veio a menina,
a cara do pai.
Mais uma vez a família se muda de cidade.
Em outra empresa o pai foi trabalhar.
Ops, agora vieram duas de uma só vez,
por essa ninguém esperava.
Foi a novidade na vila,
e o pai estufava o peito orgulhoso.
"Sou tão macho que faço duas de uma vez!"
E sorria, exibindo as pequenas
que todos queriam ver.
Seis meses mais tarde
o primeiro filho se foi,
não sabia nadar...caiu no rio...
achado três dias depois...
Quatro anos se passaram,
outra menina.
Mas ela também não ficou,
o cordão umbilical se enrolou no pescoço,
na hora do parto...e partiu...tão depressa...
A família acompanhava o pequeno caixão branco.
A mãe quis ir embora dali.
Foram para outro bairro.
Sua atitude firme e corajosa
manteve a família em disciplina.
Ah mãe, como agora eu sei
o tanto que devo a ti.
Meu pai, de fartas risadas,
pendurando os filhos pelos ombros.
E vieram os doze netos.
O avô não pode conhecer os dois mais novos e nem o bisneto.
Chamaram-no do lado de lá.
Agora na mesa está faltando ele.
Outra dia ela disse sentir-se inútil.
Como pode isso?
Alguém que deu origem a
tantas histórias? A tantas famílias? A tantas realizações?
e que conseguiu educar filhos tão sensíveis e humanos, apesar de falhas que todos temos?
Eu te agradeço meu pai, eu te agradeço minha mãe
pela família linda em que me permitiram nascer e viver!

Sam
Enviado por Sam em 22/10/2006
Reeditado em 05/02/2007
Código do texto: T270623
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sam
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil
212 textos (20695 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:14)