Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A HISTÓRIA DA VIDA DE MINHA MÃE.

NASCEU DE FAMILIA POBRE
O SEU PAI MORREU MUITO CEDO
A MÃE MULHER MUITO FORTE
CRIOU OS FILHOS SEM MEDO.

SAIU DA ROÇA PRA CIDADE
POIS QUERIA NA VERDADE
ERA DAR OPORTUNIDADE
PRA SEUS FILHOS TER DIGNIDADE.

NA CIDADE SE DEPAROU
COM MUITAS DIFICULDADES,
CONHECEU UM CORONEL
QUE QUIS CRIAR A MENINA
E LEVA-LA PRA NATAL,
MAIS ELA NÃO CONCEDEU.

O CORONEL NÃO ENTENDEU,
E CARREGOU A MENINA
QUE FICOU POR NOVE ANOS,
SEM NOTICIAS DA FAMILIA.

O TEMPO IA PASSANDO
E A MENINA TINHA PLANOS
DE SAIR DA PRISÃO
E O QUE LHE SEGURAVA
ERA SUA RELIGIÃO.

MORAVA AO LADO DA IGREJA
DE SÃO JORGE GUERREIRO
QUANDO O SINO TOCAVA
ELA SE PREPARAVA
PARA PEDIR OU SANTO
PRA DA PRISÃO LHE LIVRAR
ESSE  ERA O ÚNICO LUGAR
QUE PODIA FREQUENTAR.

UM BELO DIA ENTÃO
ELA FOI ENCONTRADA
PELO AMIGO DO IRMÃO
E A ALEGRIA INVADIU
O CORAÇÃO DA MENINA
FOI RESGATADA E LEVADA
DE VOLTA PARA A FAMÍLIA.

AGORA JÁ ERA JOVEM
TINHA 18 ANOS E NADA SABIA
MAIS TINHA MUITOS PLANOS
POIS VIVEU PRISIONEIRA,
 DURANTE OS  NOVE ANOS
QUE PASSOU LONGE DA FAMÍLIA.

A MÃE FICOU PREOCUPADA
POIS ELA ESTAVA APAIXONADA,
PELO RAPAZ QUE A ENCONTROU
A MÃE SE PRECIPITOU.

ARRANJOU-LHE UM CASAMENTO
COM UM RAPAZ DA CIDADE,
MAIS NÃO ERA O RAPAZ
QUE ELA AMAVA DE VERDADE.

NO DIA DO CASAMENTO
RECEBEU UMA CARTA,
ONDE SEU HEROI LHE FALAVA
DOS SEUS SENTIMENTOS.

MAIS NÃO HAVIA TEMPO
DE DESFAZER O ACORDO
E ELA AMARGOU
TER DADO SIM AO NOIVO.

O HEROI SEGUIU SUA VIDA,
ATÉ HOJE NÃO SE SABE
DO HEROI MAGOADO E FERIDO,
ELA NÃO TEVE NOTICIAS
DO AMOR DE SUA VIDA.

SÓ FICOU A SAUDADE
DO ZÉ QUE NA MOCIDADE
FOI O AMOR DE VERDADE,
DAQUELA TRISTE MENINA.

VOLTANDO PARA REALIDADE
SEGUIU O CASAMENTO
E QUATRO MESES PASSARAM
DE ALEGRIA E ENTENDIMENTO.

ATÉ QUANDO A MOÇA
DESCOBRIU QUE IA DAR A LUZ,
ELA TODA CONTENTE
FOI AO ESPOSO ANUNCIAR,

ELE FEZ UM RIBULIÇO,
ELE GRITOU O QUE NÃO ,
NÃO PODIA SER PAI,
POIS TINHA UMA AMANTE HÁ TEMPOS
E ELA NÃO ENGRAVIDOU.

NAQUELE DIA ENTÃO,
HOUVE A TRANSFORMAÇAO,
A MOÇA AGORA MULHER,
NÃO ACEITOU A SITUAÇÃO.

E RESOLVEU TERMINAR
O QUE COMEÇOU ERRADO,
UM CASAMENTO ARRANJADO,
SEM AMOR E RESPEITO.

POIS AQUELE SUJEITO
NÃO PODERIA FICAR,
COM A MULHER QUE DEIXOU
O SEU AMOR PRA CASAR.

DAQUELE DIA EM DIANTE,
A MULHER MENINA
DECIDIU CUIDAR
DE SUA VIDA ,E DE SUA FILHA,

COM GARRA E CORAGEM
LUTOU PELA LIBERDADE,
EM BUSCA DA FELICIDADE,
ARRISCOU OUTROS AMORES.

MAIS NÃO TEVE SUCESSO,
E VIVERAM ALGUNS HORRORES,
MAIS NÃO LARGOU A FAMILIA
E CONSERVOU SEUS VALORES.

TRABALHOU CRIOU OS FILHOS,
COM AMOR E DEDICAÇÃO,
HOJE NÓS SOMOS SEIS
E CADA UM TEM UMA MISSÃO.

CUIDAR E ZELAR ESSA MÃE,
QUE APESAR DE SOZINHA,
CRIOU OS FILHOS E SOFREU
PRA QUE TIVESSIMOS UM LAR.

HOJE ELA ESTÁ VIVENDO
NA CIDADE QUE NA INFÂNCIA
VIVEU NA PRISÃO, SEM ESPERANÇA,
E DESFRUTA A LIBERDADE.
E AINDA PRESERVA SUA RELIGIOSIDADE.

TEMOS MUITO QUE FESTEJAR
A TRAJETORIA DE VIDA
DESSA MULHER FORTE E QUERIDA
QUE HOJE JÁ TEM UM PAR,
UM HOMEM DIGNO E CORRETO
QUE NA SUA VELHICE
ELE VAI LHE AMAR.



 


Ioneide Reis
Enviado por Ioneide Reis em 09/05/2011
Código do texto: T2959619
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ioneide Reis
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 42 anos
230 textos (70493 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/10/14 04:59)
Ioneide Reis



Rádio Poética