Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ELEGIA AO EVO

         



                              FECHA OS OLHOS...

                             Vai buscar, da vida, a origem
                             Algo que ninguém entenda
                             Talvez não tenha volta essa viagem
                             Apague suas marcas desta senda.
                                     
                             Se o percurso te escurece
                             Ou sombrio te parece
                             Olhe em sua mão, vê que existe ainda
                             Como luz de vela, fogueira, ou lamparina.
 
                             É pra tua trilha
                             São luzes de desejos
                             Pra que entenda enquanto brilha
                             Que além da sombra deve haver
 
                              Um banquinho de frente pro mar
                              E sob seus pés o horizonte
                              Que os sonhos querem buscar
                              É onde nasce o levante.
   
                              E quando ele encontrar
                              Conte-o sobre alguém
                              Que agora mora longe
                              E deste mundo vive aquém.

                              Sentado n'outro banco
                              Ele contempla o horizonte
                              E esboça em sua fronte
                              Querer o vento ouvir.
 
                              Só lhe fale estas palavras
                              Que traga do deserto além
                              Para serem eternizadas
                              Diga a ele: ”estou bem!”.


                                                               ( ESTA FOI A MINHA PRIMEIRA ELEGIA. QUE FIZ  PARA UM AMIGO QUE JÁ NÃO VIVE MAIS ENTRE NÓS ...MAS, ONDE ELE ESTIVER ,QUE SEJA FELIZ E QUE TENHA O HORIZONTE AOS SEUS PÉS , E CONTEMPLE O INFINITO DE UM BANQUINHO VOLTADO PARA  O DESERTO  QUE É A VIDA. COM O LEVANTE A SOPRAR O SEU ROSTO ENQUANTO ADIMIRA O OCASO DO OUTRO LADO.E QUE ESTEJA BEM!! )


     LANÇAROTT
lançarott
Enviado por lançarott em 22/11/2006
Reeditado em 28/03/2012
Código do texto: T297852
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
lançarott
Nova Era - Minas Gerais - Brasil
40 textos (2652 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:38)
lançarott