Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

HOMENAGEM ÀS CRIANÇAS

HOMENAGEM ÀS CRIANÇAS


"Auxiliando aos outros para que possam viver com alegria descobriremos para nós a alegria de viver". ( Chico Xavier).

Nos dias atuais ser criança tem alguma vantagem? Jesus Cristo já dizia: "Sejais como as criancinhas, sinceras e não hipócritas. Para tudo na vida há um bom começo. Acredito piamente, principalmente quando realizado com simplicidade! "Reflitamos nisto: se tiveres humildade e calma, num instante de crise, guarda a certeza de que conseguirás evitar longo tempo de remorso e pesar". A mídia fornece pesquisas e dados e constata a presença de 1.800 crianças morando nas ruas, a maioria “trabalhando”, só na capital paulista.  Galdino do Valle Filho, deputado federal teve a iniciativa de comemorar o dia das crianças. Esse dia seria para homenagear todas as crianças na década de 1920. Seus companheiros aprovaram por meio de decreto e contaram com a ratificação do presidente da República, na época, Arthur Bernardes. O decreto que recebeu o nº. 4867 - data de 5 de novembro de 1924. A comemoração passou em branco por vários anos,  porém, em 1960, quando a Fábrica de Brinquedos Estrela promoveu ação conjunta com a Johnson & Johnson, com a promoção “Bebê Robusto”, no intuito de aumentarem suas vendas, a data passaria a - ser comemorada todos os anos no dia 12 de outubro. Mesmo que, a aprovação do decreto tenha ocorrido no mês de novembro, a comemoração ressurgiu no dia acima citado. Isso, pela estratégia vitoriosa das duas empresas fabricantes de brinquedos. É do nosso conhecimento que os brinquedos fazem a vida e a alegria da gurizada.
É bom que se frise que outros países também comemoram o dia de suas crianças. Vários países no dia 20 de novembro, já que a Organização das Nações Unidas (ONU) reconhece o dia como Universal para as crianças, e se entrelaça com a aprovação da Declaração dos Direitos das Crianças. Uma das regras é que toda criança deve ter proteção e cuidados especiais antes e depois do nascimento. Na Índia o dia é comemorado em 15 de novembro, Moçambique, Japão e Portugal em 5 de maio. Nos países cristãos o dia das crianças poderia ser comemorado no dia 25 de dezembro, visto nessa data ter vindo ao mundo à criança mais importante para todos, cuja missão precípua foi pregar o amor e a paz. Essa criança recebeu o nome Jesus de Nazaré, mas tornou-se conhecido por Jesus Cristo, pela missão a ele atribuída e o que aconteceu em sua fase adulta. Existem contestações sobre esse dia, mas os brasileiros o reverenciam no dia 25 de dezembro. É lindo falar de crianças é triste vê-las sofrer. No momento atual, onde os homens só pensam em si, milhares de crianças padecem de fome, entregues a pobreza e a miséria. Muitas delas vivendo nas ruas por incredulidade das autoridades que fazem esse país. Ausentes das escolas, famintas praticam a mísera missão de pedir. Muitos oportunistas se aproveitam da situação para ludibriarem a inocência desses pequerruchos,  e os encaminham as geênicas ações das drogas, da prostituição e dos pedófilos.
Lugar de criança é na escola, mas os insensatos não enxergam. Passaram a executar os tributos da justiça de hoje, cega, surda e paralítica. A prostituição é uma praga. Jovens engravidam e sem o puder de sustentação, muitas vezes abandonam seus pimpolhos ou optam pelo aborto cruel e desumano. Entregam a qualquer um o pequeno ser como se fosse mercadoria podre e vencida, ou abandonam em qualquer lugar. O que se vê hoje com constância no Brasil são recém-nascidos jogados em esgotos, riachos, lagoas e no próprio lixo. A  mesmice continua, nenhuma solução é tomada. Ficamos a meditar se esse dia deveria ser comemorado, pois a tristeza, a desilusão, a pobreza, a miséria são “presentes”, que nossas crianças menos aquinhoadas têm ao seu dispor. “Deixai vir a mim as criancinhas, pois elas herdaram o Reino dos Céus”, dizia Jesus. Ah! Se os homens da lei e os de boa vontade dissessem: deixai as criancinhas sobre as nossas expensas, pois lhe daremos condições dignas de vida. Se isso realmente acontecesse, não teríamos tanta miséria, drogas sendo consumidas e  a prostituição dilacerando infelizes seres humanos. Em contraponto o mundo seria mais humano e melhor. Abram os olhos senhores que governam esse Brasil varonil, deixem as corrupções de lado e passem a cuidar melhor de nossas crianças, pois elas serão o futuro de nosso país. A Declaração dos Direitos das Crianças onde fica queríamos saber? "Os pensamentos são estradas para as realizações. E em qualquer viagem comum, na travessia de caminhos e trevos diversos, um simples aviso é capaz de evitar-nos muitas dificuldades e longas perdas de tempo. Ocorre o mesmo na romagem da vida. Pensem nisso!



ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI E ACADÊMICO DA ALOMERCE













Paivinhajornalista
Enviado por Paivinhajornalista em 10/10/2007
Código do texto: T688832
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paivinhajornalista
Fortaleza - Ceará - Brasil
2251 textos (820552 leituras)
1 e-livros (164 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 07:40)
Paivinhajornalista