Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda



Texto

Casamento Caipira ( a mais de 20 anos este texto veio parar em minhas mãos...."com autor desconhecido" )

 
CASAMENTO -CAIPIRA (a mais de 20 anos, este texto, veio parar em minhas mãos...todavia, "com autor desconhecido..."
 
" CASAMENTO CAIPIRA"



NOTA: ESSE TEXTO É MUITO INTERESSANTE E ENGRAÇADO...

1)Juíz?: (entra com um livrão nas mãos e os óculos), -queiram se levantantarem, porque, vamos iniciar neste
momento, o casamento dos noivos:
2- Gerôncio,Fedôncio e Mordimina Golafina...
3-Padrinho: Seu dotô, Excelência, os noivos ainda não chegaram...
4-Juíz:( surpreso, olha ao redor, confere o relógio e chama:-Que entre na sala, á pé, e sem mala, os nubentes
de São Valente !
Noivos: ( entram...)
5-Juíz: Quero declarar que não estou a brincar !Digam os nomes e os prenomes!
6-Gerôncio: De quem?
7- Juiz: Ora, de quem? Pela última vez, digam os nomes e os prenomes !
8-Gerôncio: ( tirando o chapéu)_Gerôncio, Leônio dos Estrôncio, Fedegôncio!
9-Mordimina, Golafina, Josefina, Parafina, da Mstura Fina !
10- Juíz:_ Até parece poligamia?
11-Gerôncio:_ POLIGAMIA...é a vovozinha !
12-Juíz:_Pergunto, sem mudar de assunto :_trouxeram nesse momento, a certidão?
13-Mordimina:_ Seu dotô Juíz, o sinhô tem dúvida que nóis nascemo?
14-Geroncio:_ Quem sabe o sinhô acha que nóis somo assombração ?
15-Juíz:_ Meus casadeiros, vocês são solteiros ?
16- Gerôncio:_Inté agora não sortemo nada ! Mas, se o Sinhô, cumpricá, cabemo, sortando uma dúzia de
"bolacha" no seu coecová !
17-Mordimina:_Ah ! se eu não sou sortera !Nunca tive sorte inté hoje !!!
18-Juíz:_ Ser sortero é quem não é casado !
19-Gerôncio:_ Se nóis fosse casado, qui é qui, nóis viemo fazê aquí? Mi exprique !
20-Juíz:_Queiram entender o que eu queria saber... Respondam , em seguida se esse casamento, é o
primeiro que fazem aqui ! ?
21-:_Gerôncio:_óia aí? O homi é bisbiotero, fofoqueiro !!!
22-Mordimina:_ Quí, quí, o sinhô, tem aqui vê com as nossa vida ???Seu cabeça de formiga !!!
23-Juíz:_( irritado), __Mais respeito !!!_Eu sou Juíz de direito ? Se não fecham esta boca cheia, vocês vão
casar na cadeia !!!
24- Mordimina:_Óia o nosso juizinho, tá brabinho, pobrezinho...vê...lá tome essa frorzinha( põe no bolso do
Juís, uma flor)
25-:_Juíz:_Vocêsd tem a informação devida, de que o casamento, é para toda a vida ???
26-Gerôncio:_ Pra toda a vida??? E o sinhô já viu casamento, pra toda a morte ???( se dirige pra noiva
27-Ger^ncio, ainda..._Óia Mordimina, qui ...tar...ver...um difunto namorar difunta, na porta do
cimitério ??? Aí, ele encosta a caveira dela e diz:_ minha falecdinha, eu te amo pra toda a morte !!!
Aí, ela passa a mão no seu omoplata e diz:_ Ah! meu defuntinho...mimosinho... eu tô ansiosa, pro dia em
que vamo uní os nosso esqueletinho...
28-Juíz:_ Cale, e não fale !!! Este é um ato sério e não conversa de cemitério !!! Sei Gerôncio, Estrôncio,:
_aceita a menina Mordimina como sua esposa ???
29-Gerôncio:_ Tá bem seu apitado.
30-Juíz:_Juízzzzz...Ou você diz ou lhe quebro o naríz !!! Você aceita a menina de nome :Mordimina, como
sua esposa ???
31- Gerôncio:_ vão fazê um arretificatório ? Premero, a Mordimina, não é tão minina...Tem 44 anos, desde
1958...,quando ela passô. o Cabo da Boa Esperança e achô um boi na linha. Este boi, sou eu ! Agora como
escova eu não aceito não ! Só aceito, como minha MUIÉ !
32-jUÍZ:_Mordimina, Golafina,_voc^, não tem entendido ? aceita o jovem sinhô:Gerôncio, Estrôncio, de um
modo rigoroso, como seu ligitimo esposo ???
33-Mordimina:_ O quê ? como recinto de peso ? Recinto de peso é o garpão em bera de rio, _sacumé ?
34- Juíz:_ Você não tem entendido ? Aceita o jovem Estrôncio como marido ?
35- Mordimina:_ Arretifique !!! Permero, ele é...Gerôncio, Estrôncio. Segundo, esse cabra bem da peste, não
é jovem, Isso aí, tá mais carregano uns cinqüentão no lombo, seu. Voismecê, se alembra de uquando, foi
adiscoberto o Brasil ???
36-Juíz:_ Sei...
37-Mordimina_pois ele era um dos índios
38-Juíz:_mas, para a validade, não importa a idade. Vou repetir o pedido:_Aceita o Gerôncio, como
marido ???
39- Mordimina:_ Pois êta ! ele tá batendo biela, mais aceito assim mesmo ! Infinar de contaa, cavalo dado
não se óia, os dentes...
40- Gerôncio:_Mordimina, você mi chamô di cavalo ?
41- Eu não ti chamei di cavalo , seu burro ! Eu disse que o meu noivo, é jóia de gente !
42-Gerôncio:_ Vance, pode mi chamá di besta, di animar, di inlefanti, di topera, di boi, du quê você quiser...
mais, não mi chami di cavalo ! Vancê, sabe que desde aquela veis, eu levei um coice, bem aqui, de cavalo do
seu tio !Não posso mais, nem escuitá relincho do Matunguê, que dá um tréco !
43-Juíz:_ Bem...os problemas de tratamento, resolvam depois do casamento ..._Se argum dos presenti e
também dos ausenti aqui neste momento, suber di argum impidimento, fale cum liberdade dizendo ou cale
a matraca!
44-Mordimina:_ Oh! já taí o fofoqueiro de novo ? _Êta ! seu dotô Juíz ? o sinhô adora tirar um sarro ...pra cima de nóis, Não !!!
45- Gerôncio se irrita por demais, (o joga o chapéu no chão e diz:_ Não tem mais casamento !!!
Aventureira das palavras
Enviado por Aventureira das palavras em 28/02/2009
Código do texto: T1462339
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Aventureira das palavras). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre a autora
Aventureira das palavras
Curitiba - Paraná - Brasil, 68 anos
790 textos (192238 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/14 02:24)