Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
BARBEARIA VEM QUEM QUER


Numa cidadezinha do interior do Maranhão, um viajante de terno e gravata desce do ônibus, e logo adiante indaga a uma senhora que vendia pastéis.

- Bom dia! A senhora pode me informar onde posso tirar minha barba?

-O senhor não quer abancar? Olhe moço! Bem atrás de você tem um banheiro público onde as quengas lavam o chibiu.

Retrucou o viajante:

- A senhora não me compreendeu. Eu preciso ir numa barbearia.

- Ah! Agora entendi, tem uma lá de ponta de rua, é a única do seu Manel.

O viajante rumou ao endereço informado.

- Bom dia! É aqui a barbearia do senhor Manoel?

- Está falando com ele, proprietário da “Barbearia Vem Quem Quer”.

- Eu quero tirar a minha barba.

- É agora mesmo, pra já. Entre!

O viajante ao entrar na barbearia ficou assustado.

- Meu Deus! Que tanto cabelo no chão, dá mais de 30 cm de altura! O senhor é bastante seboso!

- É verdade! Por isso que a minha barbearia vem quem quer. Se você quer, então venha, entre nós não haverá problemas.

- Poxa! Eu só vou tirar esta barba porque não tem outro jeito. Aqui tem moscas demais, compre um baygon e aplique.

Revoltado o barbeiro exclamou.

-Você veio pra tirar a barba ou fazer entrevista do meu salão? Então, sente-se e fique calado, quem dá ordens aqui é somente eu e a navalha.

Entristecido o viajante nada mais falou. O barbeiro começou  os preparativos para fazer a barba quando o viajante não mais agüentou.

- Olhe! Com tantas moscas em cima de mim, assim não dá! Basta este tapete de cabelos no chão. Que sujeira!

O barbeiro virou-se e deu uma grande cusparada no pincel de barba.

- Hei cara! Você tá louco! Que porcalhão! Que imundície é essa rapaz. Cuspir no pincel pra passar no meu rosto!

O barbeiro sorrindo, respondeu.

- Meu caro amigo, eu ainda lhe trato é bem. Os fregueses daqui, eu cuspo logo é na cara.

D.R.A





ERASMO SHALLKYTTON
Enviado por ERASMO SHALLKYTTON em 28/05/2006
Reeditado em 28/05/2006
Código do texto: T164799
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ERASMO SHALLKYTTON
Caxias - Maranhão - Brasil
4168 textos (2055828 leituras)
1 áudios (971 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:54)
ERASMO SHALLKYTTON

Site do Escritor