Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O amigo da vaca

Certamente vocês já ouviram falar do amigo-da-onça, mais aqui vai uma do amigo-da-vaca.

O caboclo tirava leite sossegado de sua vaquinha, quando recebeu a visita de um compadre.
Ao vê-lo chegar, convidou-o para chegar até o local onde estava trabalhando, no que o outro recusou, e tinha os seus motivos.
É que para isso ele tinha que atravessar o curral onde uma das vacas não parava de encará-lo.
Disse desconfiado: - Num vô até ai não cumpadi, esta sua vaca pode mi pegâ.
E o outro: - Pega não cumpadi, pode se achegá.
Não acreditando recusou novamente e disse: - Ela ta oiando pra mim desconfiada, ela vai mi pegá...
Seu compadre insistiu: Dexa di bobage, pode chegá sem medo. Ela não pega..
Sentindo-se um pouco mais seguro resolver arriscar. Pulou a cerca e foi atravessando o curral.
Não deu noutra, mal caminhou até a metade do curral, a vaca investiu feito louca contra ele, obrigando-o a passar por baixo de uma cerca de arame farpado de poucos centímetros de altura, deixando seu chapéu e parte de sua camisa para trás.
Após recuperar a voz e ainda branco como a uma vela, falou:
- Comu é que cumpadi mi garantiu que a vaca não pegava sô??!!!
Em que o outro respondeu tranquilo: - E Pegou???
Paulo Kostella
Enviado por Paulo Kostella em 29/11/2007
Código do texto: T757423

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Kostella
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 58 anos
922 textos (177788 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 16:53)
Paulo Kostella