Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                              O Papagaio


       Era costume criar um papagaio em casa, na maioria das famílias, há alguns anos atrás. Geralmente ele era chamado “Louro”; embora alguns tivessem seu nome próprio, dado por seu dono. 

        O papagaio é muito observador e aprende a repetir frases, e até a cantar e assoviar. Muitos contavam piadas e assoviavam músicas inteiras, como por exemplo, o Hino Nacional Brasileiro.

       O Louro virava às vezes um fino fuxiqueiro, contava estórias de uma pessoa a outra, fazia verdadeiras intrigas; mas era muito divertido ter um papagaio em casa.
Ele ficava quase sempre na cozinha, em cima de uma janela ou no seu poleiro, e ali ia ouvindo tudo e aprendendo até a rezar.
  
       É uma pena que as crianças de hoje não tenham mais a oportunidade de ter como amigo de estimação um animalzinho, com quem possam brincar e de quem sentir o carinho. 

       Os brinquedos eletrônicos não têm sentimentos e nem as amam.

        Já não se brinca como antigamente, com sentimento e alma, com as criaturas de Deus.



Com som em:
http://www.marineusantana.recantodasletras.com.br/
visualizar.php?idt=186715

marineusa
Enviado por marineusa em 03/07/2006
Reeditado em 07/06/2007
Código do texto: T186715

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (marineusantana@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
marineusa
Brejo Santo - Ceará - Brasil, 71 anos
1726 textos (322758 leituras)
39 áudios (29264 audições)
18 e-livros (9104 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:34)
marineusa