Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ana e a Terra da Diversão

Estava escuro, muito escuro...Ana não podia enxergar o caminho à sua frente. O avô a guiava pela trilha de terra, segurando com firmeza suas pequeninas mãos.
-Pronto, chegamos Ana.
A garota olhou ao redor sem entender bem onde estava. Uma enorme pedra estava ao seu lado, e tudo mais era meio iluminado pelo luar. Conseguiu ver as árvores que com a pouco luz, pareciam assustadoras, como se fossem monstros prontos para devorá-la.
-Não tenha medo, Ana. Sente-se aqui comigo, que vou explicar porque a trouxe aqui.
O avô, com seus setenta anos, cabelos grisalhos e um grande bigode, assoprou uma parte da pedra onde iriam se sentar. Acomodados, um ao lado do outro, o avô apontou para cima e começou a falar:
- Veja, Ana, quantas estrelas! Parecem vários pontinhos brilhantes dentro de uma enorme concha negra...Olhe aquele ali, grande, com luz intensa.Este ponto faz parte de uma constelação muito conhecida, o Cruzeiro do Sul.
- Nossa vô, parece uma lâmpada acesa, que não dá para apagar...
Sorrindo, o avô ficou na dúvida se tinha escolhido o momento certo para contar seu grande segredo a Ana.Olhou para o rosto da menina de oito anos. Tão pequena, com enormes olhos castanhos que pareciam refletir a própria luz das estrelas, e a pequena boca rosada, entreaberta, demonstrando a surpresa ao apreciar toda aquela imensidão da noite.
- Ana, preciso te contar um segredo...promete que não vai contar pra ninguém?
- Segredo? Claro, vô...pode deixar, não vou contar pra ninguém, nem pra mamãe!
- Ótima, Aninha...O avô sorriu mais uma vez, com a sinceridade da garotinha ao seu lado.
- Bem, olhe, está vendo aquele ponto ali, onde uma estrela de luz meia avermelhada brilha?  Apontou o avô com o dedo indicador para a direção norte.
- Sim! Estou vendo.
- Ana, aquela estrela guia para uma terra encantada, onde apenas as crianças podem entrar. É um lugar muito bonito, cheio de alegria, brincadeiras, diversão. As crianças podem escolher o que quiserem para comer!
- Mesmo? Onde é vô? Você já esteve lá?
- É a Terra da Diversão!Fica bem atrás de uma grande árvore.
- Mas onde?
- A estrela indica o caminho, que só aparece em noites de luar. Mas têm um problema, Ana. Quem vai para a terra da diversão se torna criança para sempre. E só pode sair de lá se conseguir transformar a magia que cobre a Terra da Diversão.
- Magia? Como assim?
- Uma feiticeira, chamada Magda, vendo que as crianças eram felizes na Terra da Diversão ,mas que queriam, mais cedo ou mais tarde, voltar para casa, para suas famílias;  resolveu colocar uma magia, onde toda criança que entre lá , jamais retorne para sua casa, e jamais saiba o que é tornar-se um adulto! Para quebrar este feitiço, é necessário que uma criança especial, com poderes mágicos liberte as crianças que estão presas na Terra da Diversão.
- Mas como isso pode ser feito, vô?
-Ana, é preciso que...
Cabrum! Um estrondoso raio caiu bem em frente á eles e uma mulher, toda de gelo aparece, com asas quebradas e  olhos bem vermelhos, como sangue, e cabelos brancos, como a neve...
Roberta Costa
Enviado por Roberta Costa em 15/10/2006
Código do texto: T264811

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Roberta Costa
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
33 textos (15301 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:39)
Roberta Costa